Caixa: benefícios com cadastro biométrico

Cartola: 
Olho: 

A Caixa Econômica Federal receberá do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) os dados do cadastro biométrico de eleitores, que servirão para evitar fraudes no pagamento de benefícios previdenciários ao contribuinte.

Segundo informa a Exame, a ideia é usar a tecnologia do cadastro biométrico para identificar o cidadão pela impressão digital e garantir a segurança no pagamento do Programa Bolsa Família e do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).