A Nokia anunciou, nesta quarta-feira, 27, que vai transferir o desenvolvimento e suporte do Symbian para a Accenture.

Pelo acordo, 3 mil funcionários da multinacional finlandesa de celulares serão transferidos para a consultoria americana até o final do ano.

A Nokia recentemente assinou um acordo com a Microsoft para utilizar o Windows Phone como sistema operacional padrão em seus novos lançamentos.

Com o ciclo de vida de um celular estimado entre nove e doze meses por especialistas, í uma questão de tempo para que o sistema operacional open source saia de cena, no entanto.

“Ao longo do tempo, a Accenture vai buscar oportunidades para retreinar os funcionários transferidos”, reconhece o comunicado das empresas.

Pelos termos do acordo, a Accenture será um “parceiro preferencial” da Nokia nos serviços de desenvolvimento futuros em plataforma Windows Phone.

A colaboração entre as duas empresas data de 1994. Em 2009, a Accenture já havia adquirido a unidade de serviços profissionais da Nokia, encarregada do suporte do Symbian para fabricantes e provedores de serviços.

As alterações acontecem ao mesmo tempo em que a Nokia anuncia planos de demitir 4 mil dos seus 132 mil funcionáriso até o fim de 2012 para reduzir custos.

A meta é economizar 1 bilhão de euros até o fim de 2013 – 12% em relação a 2010.