CHEIOS DE AMOR

Qualcomm fará P&D no Brasil

20/04/2012 13:50

Executivos da multinacional de tecnologia 3G divulgaram a abertura de centro de pesquisa e desenvolvimento focado em tablets para mercado em massa, com um laboratório para apoiar desenvolvedores brasileiros de apps. 

Rafael Steinhauser e Paulo Bernardo. Foto: Agência Brasil.

Tamanho da fonte: -A+A

A Qualcomm aterrissou com uma série de promessas no Ministério das Comunicações em Brasília nesta sexta-feira, 20.

Executivos da multinacional de tecnologia 3G divulgaram a abertura de centro de pesquisa e desenvolvimento focado em tablets para mercado em massa, com um laboratório para apoiar desenvolvedores brasileiros de aplicativos móveis.

O centro, o primeiro do gênero da multinacional, deve ficar em São Paulo, em uma cidade ainda não escolhida a ser divulgada nos próximos meses.

“A tecnologia sem fio tem se tornado um catalisador global para mudança, e a nossa colaboração prevista com o governo brasileiro espera conectar mais pessoas à internet por meio de smarpthones e tablets”, afirma Rafael Steinhauser, vice-presidente sênior e presidente da Qualcomm para a América Latina.

Além das atividades de P&D, a multinacional trará sua unidade de venture capital, a Qualcomm Ventures, para investimentos em start-ups locais.

A Qualcomm também planeja cooperar com a indústria local de eletroeletrônicos e com os centros de educação e de tecnologia brasileiros no campo de comunicações sem fio e do programa Ciência sem Fronteiras, pelo qual o governo espera mandar 100 mil estudantes para o exterior.

Em contrapartida, a companhia, dona de um faturamento de US$ 15 bilhões em 2011, espera incentivos do governo para baratear o custo dos smartphones no país.

Durante a audiência, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse esperar que a Qualcomm invista em P&D voltada para levar o LTE, o 4G, para a faixa de 450 MHz, onde, hoje, a tecnologia disponível é o CDMA, também dominada pela fabricante norte-americana.

Bernardo disse que o governo deve fazer um esforço para baratear os smartphones, na linha do que vem sendo feito com os tablets, estimulando a fabricação local, assim como combater os celulares piratas, que segundo dados da Abinee, totalizam 30% do mercado nacional.

Veja também

1º DA AL
Siemens abre centro de Smart Grid no PR

A Siemens vai instalar em Curitiba seu primeiro centro de pesquisa e desenvolvimento voltado às soluções Smart Grid na América Latina.

O empreendimento, anunciado oficialmente nesta quinta-feira, 19, vai ocupar dois prédios do Parque Tecnológico da PUC-PR e é parte do pacote de US$ 600 milhões em investimentos anunciados pela companhia para expansão da capacidade produtiva no país.

Qualcomm quer entrar nos PCs

Tradicional player do mercado de smartphones e tablets, a Qualcomm quer entrar na área de PCs com seus novos chips Snapdragon S4, afirma Paul Jacobs, CEO da empresa.

Em apresentação na CES 2012, Jacobs revelou que a companhia está conversando com fabricantes de PC para fazer computadores leves e finos baseados no chip, baseado na arquitetura ARM.

Grande parte dos computadores de hoje possuem chips x86 da Intel e AMD, comenta o site Computerworld.

HTC quer executivo e fabricação no BR

Com os olhos voltados aos Estados Unidos e Europa nos últimos anos, a taiwanesa HTC quer conquistar o Brasil.

O recado foi dado pelo vice-presidente da fabricante de celulares na América Latina, Lee Ittner.

Entre os planos para o Brasil, Ittner destacou a contratação de mais funcionários e de um executivo para comandar as operações no país.

PARCERIA
Nokia planeja tablet com Windows 8

Windows Mobile não é tudo na parceria entre a maior desenvolvedora de sistemas operacionais para PCs e a maior fabricante de celulares do mundo.

Segundo o site asiático DigiTimes, a finlandesa Nokia e a norte-americana Microsoft lançarão um table com o Windows 8 – mais nova versão do software da MS – até o mês de setembro.

Mozilla + Telefônica = OS móvel

Mozilla pode ser, em breve, a mais nova opção no mundo das plataformas móveis.

Em parceria com a Telefônica, a desenvolvedora do navegador de internet Firefox – o segundo mais utilizado no mundo, com 20,9% do mercado de PCs –, trabalha em um ambiente aberto para aplicativos em HTML5 para a criação de apps tendo a web como base.

Samsung: Omnia W no BR com Windows 7.5

A Samsung lança no mercado nacional o Omnia W, smartphone que utiliza sistema operacional Windows Phone 7.5, Mango.

O modelo é baseado no processador Qualcomm de 1.4 GHz, acompanhado por 512 MB de RAM e tem uma tela de 3.7 polegadas com resolução de 480 x 800 pixels, segundo informações do portal IDGNow.

Nokia + Windows = chip Qualcomm

Rodar Windows não é a única novidade nos novos aparelhos da Nokia.

Além da nova plataforma, os celulares da finlandesa vêm com os processadores móveis Qualcomm Snapdragon S2 na linha Lumia (modelos 800 e 710).

Hoje, os processadores Qualcomm Snapdragon estão presentes em 100% dos dispositivos com Windows Phone, segundo a fabricante de componentes, já que ela é a única autorizada pela Microsoft a equipar celulares com o software.

Qualcomm troca executivo na AL

A Qualcomm nomeou Rafael Steinhauser como vice-presidente sênior e presidente da Qualcomm na América Latina, no lugar de Flavio Mansi.

Steinhauser ficará baseado no escritório em São Paulo e se reportará a Jing Wang, vice-presidente executivo e presidente das Operações de Negócios Globais (Global Business Operations).

Mercadante quer parceria com TIC americana

Nove empresas e uma entidade internacional da área de TI se reuniram nessa quarta-feira, 13, com o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, para conhecer as iniciativas do governo para a área de semicondutores no Brasil.

As empresas foram convidadas a "atuar como parceiras do desenvolvimento" do setor no país.

O convite foi acompanhado de dados como a estimativa de vendas da ordem de 15 milhões de computadores no país nesse ano, segundo o ministério.

Qualcomm compra Rapid Bridge

A Qualcomm adquiriu a Rapid Bridge LLC, empresa de San Diego especializada no design e desenvolvimento de semicondutores.

Com a compra, a equipe de design da Rapid Bridge e as operações de serviços de engenharia em San Diego/Bangalore serão integradas à Qualcomm CDMA Technologies.

BIOCOMBUSTÍVEIS
Boeing terá centro P&D no Brasil

São Paulo terá o sexto centro de pesquisa e tecnologia da multinacional de aviação fora dos Estados Unidos.

AMD inicia projeto de P&D no BR

A fabricante de semicondutores AMD anuncia vai passar a investir em P&D no Brasil.

Em parceria com a Unicamp, a empresa iniciará seu primeiro projeto em pesquisa tecnológica na América Latina. No mundo, instituições em países como Alemanha, Reino Unido e Índia já participam.

A partir deste mês, a Unicamp integrará em seu campus o projeto liderado por professores do Instituto de Computação para a pesquisa e o desenvolvimento de novas tecnologias.

MercadoLivre fará P&D no Brasil

O MercadoLivre anuncia a criação de um centro de tecnologia no Brasil.

Segundo Daniel Rabinovich, CTO do Grupo MercadoLivre, o objetivo é criar um núcleo de P&D que possibilite a criação de aplicativos que atendam necessidades do mercado nacional e possam ser exportados para os outros países onde o MercadoLivre tem operações.

Siemens investe US$ 50 mi em P&D no BR

A Siemens vai instalar no Brasil um centro global de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) voltado para o setor de petróleo e gás.
 
Resultado de uma parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o centro deve receber cerca de US$ 50 milhões em recursos da empresa. A iniciativa faz parte dos planos da companhia em dobrar suas atividades com novos investimentos no país.