O Grupo GFT, fornecedor de soluções para o mercado financeiro, encerrou o primeiro trimestre de 2011 com crescimento de 24% em sua receita, que chegou a € 67,30 milhões no período.

Já o lucro operacional da empresa ficou em € 1,35 milhões, ou € 0,05 por ação.

No trimestre, a área de serviços da GFT, localizada na Espanha e no Brasil, foi um dos pilares da expansão, com alta anual de 9% e faturamento de € 28,89 milhões.

Outro mercado que impulsionou o crescimento dos lucros no período foi o de soluções para o mercado financeiro, com destaque para as operações no Reino Unido, segundo comunicado oficial.

“O setor de resourcing, nos três primeiros meses de 2011, gerou faturamento de € 38,41 milhões, representando um crescimento de 38% em relação ao ano anterior”, afirma o material. “Isso se deve à recuperação do setor industrial, que têm favorecido à grande demanda por especialistas freelancers”, complementa a divulgação.

No trimestre, a equipe da GFT também aumentou, chegando a 1.307 colaboradores em todo o mundo, dos quais 158 ficam no Brasil onde, no ano passado, a companhia empregava 135 pessoas.
 
“Começamos 2011 com o pé direito, dando continuidade ao movimento já iniciado em 2010 em todos os setores de todos os países em que nos encontramos”, destaca Ulrich Dietz, CEO da GFT.

Para 2011, a meta da companhia é faturar € 275 milhões.