A plataforma Windows Azure, da Microsoft, poderá rodar sistemas operacionais Linux ainda em 2012.

Sites especializados apontam para o lançamento de uma CTP (Community Technology Preview) até o final do segundo trimestre de 2012.

Isso seria a base de testes para novas funcionalidades.

Além da surpreendente decisão da Microsoft de rodar Linux, o novo suporte para máquinas virtuais também vai permitir rodar servidores SQL ou SharePoint nesta máquinas, comenta o site ZDNet, citando parceiros da empresa como fontes.

A movimentação vai de encontro à necessidade da companhia de oferecer alternativas realistas a concorrentes como a Amazon EC2 e Vmware.

O Windows Azure é uma plataforma para desenvolvimento e hospedagem de aplicativos na nuvem.

Linguagens e tecnologias como .NET, PHP, Java, Ruby e Python são aceitas pelo sistema da Microsoft, que foi lançado em outubro de 2008.