Tamanho da fonte: -A+A

A Unisys foi contratada para criar uma plataforma de e-mail e colaboração na nuvem com base em aplicativos Google para Administração Geral de Serviços dos Estados Unidos (GSA), entidade que dá suporte a operações básicas de outas agências governamentais americanas.

O pedido de serviço, com prazo de cinco anos e preço fixo, foi concedido à Unisys por meio do contrato Alliant da GSA. A Unisys fornecerá transição, migração de dados, treinamento e software na nuvem para o novo ambiente.

A solução permitirá que os funcionários da GSA colaborem e trabalhem remotamente de qualquer local, a qualquer hora.

"Estamos ansiosos para iniciar a parceria com a GSA para que eles possam executar com mais eficiência sua missão de apoio a outras agências e aos cidadãos dos EUA, proporcionando um custo mais baixo para o contribuinte", declarou Ted Davies, presidente da Unisys Federal Systems.

De acordo com a GSA, a migração gerará economia de 50% ao longo dos próximos cinco anos em comparação com os custos atuais de suporte a pessoal, infraestrutura e contrato.

O contrato beneficiará até 17 mil funcionários e contratados da GSA no mundo todo, que contam com serviços de colaboração aprimorados, inclusive e-mail com armazenamento expandido e acesso total às ferramentas de comunicação dos aplicativos Google.

A solução na nuvem inclui aplicativos como Google Gmail, Google Calendar, Google Docs e Google Sites.

Criada há 60 anos, a GSA tem 12 mil colaboradores ligados ao governo federal norte-americano. O órgão conta com orçamento de US$ 26,3 bilhões anuais.

Entre os serviços prestados estão as áreas de telecomunicações, aquisição e aluguel de prédios, transporte e materiais de escritório. Um dos clientes da agência é o exército americano, tanto nas instalações nos Estados Unidos como nas operações no estrangeiro.

A Unisys, com aproximadamente 23 mil colaboradores, atende a organizações comerciais e órgãos públicos em todo o mundo. Em 2009, a receita da empresa foi de US$ 4,6 bilhões.