A Network World acaba de divulgar uma pesquisa sobre prioridades de investimentos em data centers nos próximos dois anos.

No estudo, de 376 gestores entrevistados, 53% afirmaram que vão priorizar gastos com manutenção, enquanto 47% vão focar novos investimentos, sendo o principal deles a virtualização.

Na avaliação da Network World, as médias indicam que as organizações têm cada vez mais implantado tecnologias que requerem menor manutenção, deixando mais verbas livres para novos investimentos.

No quesito “virtualização”, cerca de metade dos entrevistados indicaram que vão investir na área de servidores.

Em segundo lugar ficou a virtualização de armazenamento, com 40% das respostas, e, em terceiro, a de desktops, com 35%.

A cloud computing também teve seu espaço, com 31% dos respondentes indicando a destinação de recursos para este setor, em especial a nuvems privadas, nos próximos dois anos.

Em seguida vem a nuvem híbrida, com 25%, e a pública, com 19%.

O estudo também destaca que, apesar dos investimentos em virtualização, 40% dos entrevistados afirmam estar aumentando o número de equipamentos em seus data centers.

De todos os ouvidos, somente 28% disseram terem notado diminuição na quantidade de equipamentos nestes ambientes.

Já 18% informaram não ter havido qualquer alteração.

Em relação a fornecedores, os gestores que já investiram em virtualização afirmaram que, em 29% dos casos, a quantidade aumentou.

Já para 23% dos respondentes, a virtualização diminuiu o número de fornecedores, enquanto para 39% não houve mudança no quadro.