Universidade Positivo: app para tablet e celular

09/02/2012 11:33

A especialização em Mídias Digitais da Universidade Positivo (UP) lançou um aplicativo para smartphones e tablets que permite aos alunos acompanharem as informações a respeito do curso.

Conforme divultado pela universidade, esta é a única pós-graduação do Paraná a contar com uma ferramenta digital sobre os módulos.

Idealizadores e criadores do projeto, os professores Julius Nunes e Rosiane de Freitas, acreditam que o aplicativo facilitará o cotidiano dos estudantes.

Tamanho da fonte: -A+A

A especialização em Mídias Digitais da Universidade Positivo (UP) lançou um aplicativo para smartphones e tablets que permite aos alunos acompanharem as informações a respeito do curso.

Conforme divultado pela universidade, esta é a única pós-graduação do Paraná a contar com uma ferramenta digital sobre os módulos.

Idealizadores e criadores do projeto, os professores Julius Nunes e Rosiane de Freitas, acreditam que o aplicativo facilitará o cotidiano dos estudantes.

“A criação do software alia teoria e prática, já que o curso inclui um módulo de produção de aplicativos”, explica Nunes. “Em um segundo momento, permitiremos aos estudantes agendar ações no próprio celular ou tablet”, completa Rosiane.

Conforme os dois professores, o software foi desenvolvido em três semanas. Agora, a meta é levar a novidade a outras disciplinas da Universidade Positivo.

“É um aplicativo interessante porque mostra todo o planejamento do ano. É uma ferramenta fácil de mexer, já que o curso é voltado para profissionais da comunicação, e não técnicos”, garante Nunes.

Além da especialização em Mídias Digitais, a UP oferece mais de 100 cursos Latu Sensu, todas com inscrições abertas até o dia 1º de março.

Há pós-graduações nas áreas de Arquitetura, Gestão, Biologia e Meio Ambiente, Educação, Ciências Contábeis, Comunicação, Design, Direito, Enfermagem e Engenharia, entre outras.

A universidade também conta com um Centro Tecnológico, com aulas em três campus, todos em Curitiba.

No centro, são oferecidos cursos superiores de curta duração em TI, além da Escola de Negócios.

A UP faz parte do Grupo Positivo, que emprega mais de 9,5 mil colaboradores e mantém negócios diversos nas áreas de tecnologia e educação em países da América, da Ásia, da África e da Europa.

Veja também

CESAR: convênio com Universidade Positivo
A filial curitibana do Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (CESAR) acaba de fechar um convênio de cooperação técnica, científica e cultural com a Universidade Positivo.
 
A assinatura do convênio foi feita pelo Vice-Reitor, José Pio Martins, e pelo Superintendente do CESAR, Sérgio Cavalcante.
Positivo cancela distribuidores

A Positivo mudou seu modelo de distribuição de produtos, cancelando contratos com distribuidores e apostando na entrega direta dos produtos no varejo.

Positivo: ferramenta publicitária na tela do PC

A Positivo Informática lança o Positivo DeskMedia, uma ferramenta publicitária que permite aos anunciantes divulgar produtos e serviços de forma interativa, já embarcada em seus PCs.

A solução acompanha todos os novos computadores da marca com Windows 7.

Positivo mantém liderança, com recuo

Apesar da queda na participação de mercado no terceiro trimestre de 2011, a paranaense Positivo Informática segue na liderança no Brasil, segundo a IDC.

No 3T11, a fabricante teve 12,7% de share, com 507,2 mil unidades vendidas, uma queda de 2,8% na comparação com o mesmo período de 2010.

Lucro da Positivo cai 79,3% no 3T11

A Positivo Informática teve uma queda de 79,3% no lucro no terceiro trimestre de 2011, na comparação com o mesmo período do ano passado.

Foram R$ 3,2 milhões de ganho no 3T11, frente a R$ 15,3 milhões no 3T10.

Na comparação entre os nove meses de 2010 com janeiro a setembro de 2011, o resultado é 125,2% menor.

Positivo começa a vender o tablet Ypy

A Positivo começa a vender o tablet YpY, por R$ 999 (Wi-Fi) e  R$ 1.199 (3G).

Com 50 aplicativos pré-instalados para começar a usar o seu Ypy, o modelo já oferece 300 apps para download na loja Mundo Positivo, além de possibilitar o acesso a 250 mil aplicativos do Android Market.

A Positivo customizou todo o sistema operacional Android, deixando-o integralmente em português.

EBX, Positivo e Semp Toshiba miram Foxconn

EBX, Positivo e Semp Toshiba estão negociando participação na construção das duas fábricas de displays que a chinesa Foxconn planeja construir no Brasil.

A informação é do ministro de Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, que participou nesta segunda-feira, 24, de um evento no MCTI.

“Nesse projeto é essencial a parcela de capital brasileiro para a transferência de tecnologia”, afirmou o ministro.

Manlec equipa TI com Positivo

A rede Lojas Manlec comprou 600 computadores da linha Positivo Master, da paranaense Positivo Informática.

Os valores da compra não foram divulgados.

Família voltada para operações corporativas, a Master possui máquinas que podem ser usadas tanto como estação de trabalho individual quanto como servidor.

No caso da Malec, os modelos D300 e D350 foram adquiridos, numa tentativa de dar mais agilidade às rotinas da empresa, atualmente com 45 lojas.

IBM compra desenvolvedora de apps

A IBM anunciou um acordo definitivo para a compra da Worklight, desenvolvedora de softwares para dispositivos móveis com sede em Israel. O valor do negócio não foi divulgado.

A aquisição será utilizada para reforçar o portfólio de aplicações de segurança, gestão e integração.

Além disso, é estratégica para o crescente mercado de mobilidade, especialmente com a consumerização da TI nas grandes empresas.

App escolhe motorista da vez no Facebook

O Detran-RS lança um aplicativo para dar apoio à Operação Balada Segura, que já conta com ônibus destacado para levar para casa pessoas que saem à noite, bebem e, por conseguinte, não podem dirigir.

O novo aplicativo é voltado a iPhone, iPad e Android e funciona integrado ao Facebook, escolhendo o motorista da vez – ou seja, aquele que não vai beber para dirigir e dar carona aos demais - pela rede social.

Parsec.Digital desenvolve app da Veja.com

A Parsec.Digital, startup em soluções mobile, acaba de desenvolver o App24H Veja.com, para iPad.

O aplicativo, projetado para a Veja pela DAS DAD, permite aos assinantes da revista ler em tempo integral o conteúdo atualizado do portal Veja.com.

O material, que é narrado e animado, inclui notícias, previsão do tempo, indicadores financeiros, aniversariantes e compromissos do dia, entre outros.

Livro dá dicas sobre criação de apps para iPad

A Editora Ciência Moderna lança o livro “Projetando para o iPad - Criando aplicativos que vendem”, da autoria de Chris Stevens.

O livro tem 360 páginas e sai por R$ 89 na versão impressa, mas também está disponível em e-book, pelo preço de R$ 53,40.

Itaú: app para empresas no iPad

O banco Itaú lançou o aplicativo Itaú Empresas para iPad, na Apple Store, com foco nos clientes empresariais.

Desenvolvido para funcionar como uma ferramenta de trabalho, oferecendo praticidade e mobilidade para a gestão empresarial, o aplicativo Itaú Empresas pode ser habilitado por meio de download na loja da Apple, sem a necessidade de ir a uma agência. Tanto o download quanto a utilização do aplicativo são gratuitos.

Google Apps: 100 mil contas no BBVA

O multinacional Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (BBVA) adotou a plataforma Google Apps para serviços de e-mail e colaboração.

A implementação, que abrangerá 110 mil funcionários da instituição ao redor do mundo, deverá ser concluída ainda em 2012.

Unisinos: formação foca apps móveis

A Unisinos oferece, a partir do primeiro semestre de 2012, uma opção interessante de capacitação para um mercado em alta: uma formação à distância em Desenvolvimento de Aplicações para Dispositivos Móveis.

Lojas chegam à 1 mi de apps essa semana

O número de aplicativos móveis existentes nas quatro principais lojas de apps - App Store (iOS), Android Market (Google), BlackBerry App World (RIM) e Marketplace (Windows Phone) - deve atingir a marca de 1 milhão na próxima semana.

A estimativa é da Mobilewalla, um empresa que rastreia apps em tempo real. Atualmente, as lojas de aplicativos contam com 987,86 mil apps.

Segundo o relatório, tais lojas de aplicativos móveis adicionam, em média, dois mil aplicativos por dia.

Mercado de aplicativos cresce US$ 2,2 bi

O número de dowloads de aplicativos em todo o mundo cresceu no primeiro semestre de 2010. Segundo pesquisa da Research2guidance, foram 3,8 bilhões de aplicações baixadas no período, enquanto um ano antes o índice ficava em 3,1 bilhões.

O crescimento, salienta a pesquisa, se deve à facilidade de acesso a lojas de aplicativos que, hoje, apresentam mais ofertas para os usuários.