Tamanho da fonte: -A+A

A Migrate Company acaba de lançar uma solução de armazenamento de notas fiscais eletrônicas em cloud computing.

 
Batizado de FiscalDocs, o software assegura o armazenamento seguro das NF-es pelo prazo legal de cinco anos, centralizando o acesso aos XMLs dos documentos.
 
A ferramenta também permite gerar relatórios de acompanhamento da movimentação dos arquivos, faz a validação das notas perante a Sefaz (Secretaria da Fazenda), monitora a sequência numérica dos arquivos detectando a falta de algum documento, permite recuperação ágil em caso de perda e realiza o envio automático das notas ao contador.
 
“Além disso, a solução se integra a todos os sistemas de emissão de nota fiscal eletrônica no Brasil, o que amplia nosso target potencial de novos clientes”, avalia Adilson Weddigen, diretor executivo da Migrate Company. 
 
Segundo explica Weddigen, a integração pode ser feita com qualquer emissor através de e-mail, importação manual ou pelo FiscalDocs Sync, que faz a sincronização dos documentos entre os computadores locais e a nuvem. 
 
O pagamento pode ser por documento armazenado ou em planos para 250, 500, 750, 1 mil ou acima de 1 mil arquivos mensais.
 
O empresário destaca que a novidade deve alavancar o faturamento da empresa em até 25%.
 
Sediada em Três de Maio, a Migrate já tem uma base instalada de 4,5 mil clientes da sua solução de envio de notas, o GNF-e, emitindo diariamente 40 mil notas fiscais.
 
As notas armazenadas pelo FiscalDocs ficam no data center da PrimeHost, empresa que atende a clientes como Petrobras, Rossi e Phillips, com um nível de serviço acordado em 99,995%.