A China tirou do Japão o posto de segunda maior economia do mundo, em resultado de três décadas de forte crescimento.

Além disso, dependendo de quão rápido o câmbio suba, o país caminha para superar também os Estados Unidos  e liderar o ranking global por volta de 2025, de acordo com projeções do Banco Mundial, do Goldman Sachs e de outros economistas.

A China cresceu 11,1% no primeiro semestre de 2010 sobre igual período do ano passado, segundo informa o portal Exame.

Já em 2009 o país chegouu perto de superar o Japão. "A China já é agora, de fato, a segunda maior economia do mundo", informou Yi Gang, chefe do órgão regulador de câmbio, nesta sexta-feira, 30.

A expansão do país vem registrando uma média anual de mais de 9,5% desde que adotou reformas de mercado em 1978.