O PIB americano cresceu 3,2% no primeiro trimestre do ano. É o terceiro trimestre consecutivos de alta no indicador, informa a Reuters.

Ainda que a cifra tenha ficado abaixo dos 5,6% registrados no período anterior e abaixo da previsão de 3,4% de analistas ouvidos pela Reuters, o relatório do Departamento do Comércio é otimista.

O texto destaca dados como o aumento do gasto do consumidor em 3,6% por cento, mais que o dobro do ritmo do quarto trimestre e o maior desde o primeiro trimestre de 2007, antes da eclosão da crise.

O gasto do consumidor, que normalmente representa 70% da atividade econômica dos EUA, adicionou 2,55 pontos percentuais ao PIB no trimestre, a maior contribuição percentual desde o quarto trimestre de 2006.

Os estoques empresariais subiram US$ 31,1 bilhões no primeiro trimestre, com as empresas reconstruindo estoques para responder à demanda doméstica mais forte. Foi o primeiro aumento desde o primeiro trimestre de 2008.