Tamanho da fonte: -A+A

O Brasil subiu uma posição, para a 39ª colocação, no Índice de Competitividade do Setor de Tecnologia da Informação (TI), elaborado pelo Economist Intelligence Unit.

Divulgado anualmente pela Business Software Alliance (BSA), o ranking abrange 66 países e é realizada desde 2007.

O relatório conta com nove analistas de mercado e avalia aspectos que impulsionam a competitividade do setor de TI em cada país.

Fatores como ambiente de negócios, infraestrutura de TI, ambiente jurídico, pesquisa e desenvolvimento, e capital humano são analisados.

Os Estados Unidos continuam na liderança do ranking, seguidos pela Finlândia, que manteve o segundo lugar, e por Cingapura, Suécia e Reino Unido.

Em uma escala de 0 a 100, o Brasil registrou a pontuação 39,5 e se manteve na segunda posição entre os países da América Latina, atrás do Chile. Em relação aos países do Bric, o Brasil foi superado pela Índia (34º lugar) e China (38º) e ficou à frente da Rússia (46º).

O mercado indiano de TI registrou o maior avanço desde o ranking anterior, subindo 10 posições.