Marisa busca fornecedores para ser a maior

22/06/2010 17:32

A Marisa, rede de lojas de vestuário, está em busca de confecções no Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás e Ceará para expandir sua atuação. A meta é instalar, em cada um desses estados, uma unidade da rede, dedicada ao comércio atacadista.

Tamanho da fonte: -A+A

A Marisa, rede de lojas de vestuário, está em busca de confecções no Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás e Ceará para expandir sua atuação. A meta é instalar, em cada um desses estados, uma unidade da rede, dedicada ao comércio atacadista.

A ideia é captar fornecedores regionais e melhorar a distribuição dos produtos para todo o Brasil, de acordo com as necessidades de cada loja. Hoje, o ponto de venda só recebe as mercadorias que já foram pré-definidas pelo fornecedor 60 dias antes, informa o Valor Online.

Com 39 inaugurações previstas para 2010, a Marisa teme que as cerca de 450 confecções que atendem a empresa hoje possam não acompanhar sua expansão. Segundo declarou o presidente da empresa, Marcio Goldfarb, ao Valor, hoje não há falta de produto em loja, mas será necessário expandir o mix para que a situação continue sob controle.

Atualmente, a Marisa conta com 233 lojas em 24 estados e no Distrito Federal. Com as inaugurações, a rede chegará aos dois únicos estados onde ainda não atua: Tocantins e Roraima.

Assim, a varejista irá se tornar a maior rede de vestuário do país - a C&A tem cerca de 180 lojas em 22 estados e no DF, enquanto a Renner é dona de 125 pontos de venda em 20 estados e no DF.

A matéria do Valor Online está disponível na íntegra, para assinantes, pelo link relacionado abaixo.


 

Veja também

Marisa resolve problema de padronização

A Marisa acaba de estrear um sistema que promete contornar a falta de padrão nas medidas de vestuário - um dos entraves da expansão do segmento no comércio eletrônico no segmento. O sistema subsidia a escolha do tamanho das roupas, com base nas medidas informadas pelo internauta para busto, cintura e quadril.

Lojas Marisa: N&L na retaguarda de 228 lojas

A Lojas Marisa implantou um novo sistema para controle de retaguarda em 228 lojas. O projeto, que utilizou tecnologia da N&L e levou dois anos para ser concluído, consumiu 28% do que a rede investiu em TI em 2009 – equivalente a 12% de seu orçamento geral.

Marisa renova loja virtual com VM2

Está no ar o novo site de comércio eletrônico da rede de lojas Marisa, desenvolvido pela agência paulista VM2.

Entre as novidades estão um sistema que tem como objetivo auxiliar na escolha do tamanho das roupas, com base nas medidas informadas pelos consumidores.

De acordo com a agência, a solução foi desenvolvida pela Fábrica de Software da VM2 e a Marisa pretende patenteá-lo junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI).

Marisa aumenta lucro em 98%
No primeiro semestre de 2009, a rede varejista de moda Marisa obteve lucro líquido de R$ 33,7 milhões, resultado 98% maior que o obtido no mesmo período do ano passado, quando somou R$ 17 milhões.

Já no segundo trimestre, o lucro líquido foi de R$ 43,4 milhões, alta de 70,7% em relação ao mesmo período de 2008.

A receita líquida de mercadorias e serviços neste semestre alcançou R$ 620,4 milhões, expansão de 2,2% ano/ano.