A cidade de Santa Cruz do Sul subiu duas posições no ranking dos maiores Produto Interno Brutos (PIB) do Rio Grande do Sul, indo da 10ª colocação em 2008 para a 8ª posição, com alta de 30% no indicador.

A alta foi alavancada pela subida nos preços do fumo em 2009, quando a soma das riquezas de Santa Cruz foi de R$ 4,3 bilhões, segundo um relatório divulgado nesta quarta-feira, 13, pela Fundação de Economia e Estatística (FEE), a partir de dados do IBGE.

No ranking do PIB gaúcho, Porto Alegre, Canoas, Caxias do Sul e Rio Grande lideram, mantendo-se nas mesmas posições em relação à pesquisa anterior, de 2008.

Já Gravataí e Triunfo trocaram de posições entre si, passando a ocupar a 5ª e 6ª colocações, respectivamente.