O Sebrae e a Gerdau lançaram nesta segunda-feira, 12, em São Paulo, o Programa de Desenvolvimento de Fornecedores Sebrae-Gerdau focado no desenvolvimento dos fornecedores de materiais e serviços da multinacional de siderurgia, em nível nacional. 

 
Pelo programa, mais de 200 empresas em várias regiões do país deverão ser atendidas. 
 
A parceria firmada entre Gerdau e Sebrae vai viabilizar a realização de nove ações do PDF, sendo que Ceara, Bahia, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul e Paraná terão um programa cada. 
 
Minas Gerais, que tem duas plantas industriais da Gerdau, nas regiões de Divinópolis e Ouro Branco, vai receber dois projetos. 
 
O convênio tem um valor total de R$ 4,3 milhões, tendo seu prazo de execução estabelecido para o período 2011-2014.
 
O Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF), que teve origem no Rio Grande do Sul, será estendido aos estados da Bahia, Ceará, Pernambuco, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná. 
 
Pela metodologia, fornecedoras do setor, como das áreas de fundição, usinagem, automação e manutenção em geral, fazem com o Sebrae um acompanhamento mensal dos indicadores de cada empresa. 
 
Com base nesses dados, são disponibilizadas capacitações e consultorias que irão aperfeiçoar resultados ou identificar pontos de melhorias dentro das empresas.
 
O programa começou a ser desenvolvido no início de 2008 com a proposta de ampliar a produtividade de 40 micro e pequenas empresas da cadeia metalmecânica do Vale dos Sinos, Caí e Paranhana.