Tamanho da fonte: -A+A

Edson Rodriguez, especialista em gestão comportamental e vice-presidente da Thomas Brasil, publica artigo no Baguete sobre competitividade empresarial e gestão de pessoas.

Segundo o autor, se quisermos manter e aumentar nossa competitividade temos que fazer valer os recursos de que dispomos. E o maior deles é exatamente o que custa mais caro em impostos, ou seja, as pessoas.

“Ciente da preocupação em contratar indivíduos com o perfil adequado, que já são, ou serão no futuro os talentos que queremos, precisamos cada vez mais exercer nossa capacidade de gerir mudanças nas pessoas que já temos, de modo a prepará-las para ambientes cada vez mais competitivos e mutantes”, explica.

No artigo, Rodriguez salienta que as pessoas costumam ser o maior custo de uma companhia.

"São elas que fazem os resultados que podem tornar a empresa competitiva ou não", conclui.

O artigo pode ser conferido na íntegra pelo link abaixo.