Tamanho da fonte: -A+A

À medida em que as finanças ganham em importância nas empresas, os CFOs passam a ter maior visibilidade corporativa, é o que mostra pesquisa da consultoria Ernst & Young, realizada com 260 executivos e especialistas em comunicação e mídia na Europa, Oriente Médio, Índia e África.

O levantamento avaliou o grau de confiança dos principais executivos de finanças das companhias ao lidar com a imprensa.

Os CFOs que expressaram maior segurança foram os dos maiores grupos empresariais – o nível cai quando se trata de CFOs regionais –, que tendem a ser mais experientes.

“Ainda que o levantamento não tenha focado no continente americano, temos verificado que a tendência é reproduzida também nesta parte do mundo, com destaque para o Brasil”, constata Sérgio Romani, sócio-líder de auditoria da Ernst & Young Terco.

Na fragmentação temática, a pesquisa constatou que o pico de confiança dos CFOs ao se posicionarem na imprensa é verificado na divulgação de resultados financeiros.

Há queda quando são instados a abordar a performance não financeira.