Tamanho da fonte: -A+A

O sistema de GPS dos Estados Unidos começou a ser atualizado no sábado, 22, com objetivo de melhorar a precisão da tecnologia.

O país gastará US$ 8 bilhões na substituição dos 24 satélites em funcionamento, sendo que outros seis serão mantidos como reservas.

A previsão é de que o processo demore até dez anos para que o projeto seja concluído e ele será conduzido por engenheiros da Los Angeles Air Force, baseada em El Segundo, informa o Los Angeles Times.

Os novos satélites terão uma margem de erro equivalente ao “comprimento de um braço”, em comparação a margem atual que pode chegar a mais de 20 metros.

“Este novo sistema tem o potencial de fornecer recursos que nós não vimos ainda”, declarou Marco Cáceres, analista-sênior para o espaço de investigação aeronáutica da Teal Group ao jornal.