Martin Sorrell, CEO do WPP

O grupo WPP acaba de anunciar a aquisição das agências digitais Midia Digital e I-Cherry, de Curitiba e São Paulo, respectivamente.

Fundada em 1995, a empresa paranaense é especializada em marketing digital. Já a companhia paulista, que tem o mesmo tempo de mercado, é voltada a search marketing.

Entre os clients da Midia Digital, que emprega 91 pessoas, estão HSBC, O Globo, Porto Seguro, Magazine Luiza e Tecnisa. Com 34 funcionários, a I-Cherry atende Petrobras, Terra, Macht.com e Guia Mais.

Segundo comunicado da WPP, somadas as receitas da Midia Digital e da I-Cherry alcançaram US$ 5,3 milhões em 2009.

“A aquisição de duas das principais agências digitais no Brasil é central para a estratégia de expansão da WPP e para reforçar a sua presença em mercados de rápido crescimento como o Brasil e a região latino-americana", afirma o comunicado.

O grupo WPP, que controla redes como a Ogilvy, Y&R e JWT, registrou receita de £ 2,078 bilhões no primeiro trimestre deste ano. No último ano, o grupo havia mostrado uma queda que superava os 8%. Mais de 9 mil pessoas foram demitidas, o que representou uma diminuição de 8,9% nos quadros.

No primeiro trimestre deste ano, porém, a holding apresentou seu primeiro crescimento sequencial desde dezembro de 2008. No período, as contratações chegaram a 939 pessoas.

Temporada de compras
Em março deste ano, o grupo norte-americano Interpublic comprou a agência digital CuboCC, empresa fundada em Porto Alegre que tem escritório em São Paulo. Os valores da transação não foram divulgados. 

Outra agência gaúcha que está negociando sua venda a um grupo internacional é a AG2, uma das cinco maiores do país, segundo dados próprios.

A compra pela Publicis está sendo conduzida pelos presidentes das companhias Orlando Marques e Cesar Paz, afirmam fontes de mercado ouvidas pelo Baguete Diário.