Tamanho da fonte: -A+A

Descontos em universidades são a nova oferta das compras coletivas.

Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, do último domingo, 04, os abatimentos chegam a 80% na mensalidade de algumas universidades do estado paulista.

O jornal diz que o modelo é visto com ressalvas por educadores, uma vez que o estudante pode escolher o curso por impulso e desistir facilmente.

Para pagar R$ 101 neste ano no curso de pedagogia na Faculdade Sumaré (desconto de 50%) ou ter bolsa de 20% na FMU, ambas em SP, bastava o candidato se cadastrar em um site, imprimir o voucher e levá-lo à instituição de ensino, após aprovação no processo seletivo.

Ao menos 40 mil estudantes que ingressaram em 2011 no ensino superior no país todo conseguiram descontos com esse modelo de site de compras coletivas específicos para a área de educação.

O principal alvo das universidades que participam dos descontos é a nova classe média, que pode ter algum gasto com educação superior, mas não suporta as mensalidades normais.

Os sites recebem taxas dos estudantes matriculados (valores variados, de R$ 10 mensais em média).

Alguns também cobram das instituições a entrada no sistema.

Leia a matéria da Folha de S. Paulo (para assinantes) nos links relacionados abaixo.