A Art Informática, empresa de Bento Gonçalves especializada em desenvolvimento de sistemas, servidores de internet e gestão de infraestrutura de TI, adotou a solução de armazenamento SSDNow SV100S2N, da Kingston.

Com a solução, os arquivos são registrados diretamente na memória de estado sólido – sem passar pelo processo magnético dos HDs tradicionais -, o que reduz o tempo de inicialização de máquinas, de acesso aos dados gravados no PC e de finalização do sistema operacional.

“Uma parada inesperada, mesmo de minutos, no fornecimento do serviço pode gerar prejuízos incalculáveis nas operações dos clientes. É por isso que apostamos neste SSD, que nos agrega confiabilidade e performance”, afirma Rodrigo Tregnago, da Art Informática.

O sistema desenvolvido pela Art é composto por um firewall (para controles de portas, VPNs e gerenciamento de tráfego em links redundantes) e um servidor de internet (proxy, email e webserver, entre outras funções), virtualizados em uma única CPU.

E é para estes servidores que a companhia adotou o SSDNow, da Kingston, que, segundo Trenago, também evita falhas em função de oscilações de tensão ou defeitos mecânicos, entre outros.

A Art Informática atende a mais de 1,2 mil clientes. A companhia tem presença no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro, Pernambuco, São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

Já a Kingston é fabricante de produtos de memória para desktops, laptops, servidores e impressoras, além de memória flash para PDAs, celulares, câmeras digitais e reprodutores de MP3.

A companhia tem fábricas nos EUA, Taiwan, China, e escritórios de vendas nestes países, além de Reino Unido, Rússia, Austrália, Nova Zelândia, Índia e América Latina.

No Brasil, está desde 1996.

Só em tecnologia SSD, a companhia oferece modelos com diversas capacidades, velocidades de leitura/ gravação e aplicações, atendendo desde usuários corporativos a consumidores e profissionais liberais a integradores de sistemas, para uso em outros equipamentos.