A Advanced Micro Devices (AMD) aposta nos recursos gráficos de seus novos chips para recuperar o terreno perdido para a líder do setor, a Intel.

Segundo a agência Reuters, a empresa não divulga detalhes sobre desempenho e custo dos novos chips.

Analistas, no entanto, afirmam que a estratégia da AMD de destacar os processadores gráficos propicia vantagem à empresa, enquanto a Intel se prepara para o lançamento de sua nova família de chips em 2011.

Para a empresa, filmes em alta definição, fotos de alta resolução e jogos de ritmo intenso exigem que os computadores sejam projetados do zero tendo o aspecto gráfico em mente.

O uso crescente de animações e vídeos na Internet também pode ampliar a necessidade de potência gráfica.

"A AMD fez essa aposta alguns anos atrás e agora se tornou claro que, no futuro, a boa experiência do consumidor dependerá tanto da GPU quanto da CPU", disse John Taylor, diretor de marketing da nova linha de chips da empresa.

Apesar de as duas empresas se desenvolverem nos dois tipos de processamento, o analista da Raymond James, Hans Mosesmann, prevê que a Intel deve seguir na linha das CPUs, enquanto a AMD foca nas GPUs.