A Dell estaria em vias de lançar uma oferta para compra da AMD.

Os rumores, incitados por uma reportagem do jornal norte-americano Barron's, foram reforçados por outra publicação, esta da Bloomberg, na qual especialistas da área de TI avaliam a aquisição como “plausível".

Para os analistas ouvidos pela Bloomberg, a AMD não dispõe, hoje, de um time de gestão, fator que contribuiria para a possibilidade de venda para a Dell.

Em janeiro, o diretor Operacional da empresa, Robert Rivet, e o responsável pela área de Estratégia, Marty Seyer, anunciaram sua saída da AMD.

Pouco antes disso, o CEO Dirk Meyer havia pedido demissão.

Plausível ou não, a possibilidade de compra movimentou as ações da AMD na segunda-feira, 14: os papéis tiveram alta de 5% após a divulgação dos rumores.

Avaliando a Dell, os analistas ouvidos pela Bloomberg acreditam na compra como uma forma de a companhia melhorar os recursos de suas ofertas usando componentes de baixo custo.

Nos últimos balanços financeiros, a Dell não atingiu os resultados previstos para seis dos últimos oito trimestres.

Por outro lado, a companhia conta, segundo o Barron's, com US$ 14 bilhões em caixa para investimentos.

Até agora, nem Dell, nem AMD, comentaram os rumores.