Samsung:25 mi de HDDs fabricados no Brasil

14/03/2011 10:43

A Samsung atingiu a marca de 25 milhões de HDDs (Hard Disk Drive) produzidos no Brasil.

Primeira a fabricar discos rígidos no país, a empresa mantém plantas industriais em Manaus e Campinas, atuando nas áreas de telefonia celular, smartphones, produtos de áudio e vídeo, computadores portáteis, soluções de impressão, HDs internos, externos e portáteis, além de discos ópticos, linha branca, condicionadores de ar, monitores e projetores.

Tamanho da fonte: -A+A

A Samsung atingiu a marca de 25 milhões de HDDs (Hard Disk Drive) produzidos no Brasil.

Primeira a fabricar discos rígidos no país, a empresa mantém plantas industriais em Manaus e Campinas, atuando nas áreas de telefonia celular, smartphones, produtos de áudio e vídeo, computadores portáteis, soluções de impressão, HDs internos, externos e portáteis, além de discos ópticos, linha branca, condicionadores de ar, monitores e projetores.

A unidade de Campinas é a primeira da companhia a produzir impressoras e multifuncionais fora da Ásia.

"O número de 25 milhões de HDDs representa um marco para nós. Em comemoração a essa marca, trazemos para país o HDD externo ultracompacto S2 Portable, com capacidade de armazenamento de 1 terabyte”, anuncia Ronaldo Miranda, vice-presidente da Divisão de Soluções de TI da Samsung.

Disponível na cor prata, com acabamento que remete ao aço escovado, o modelo pesa 193 gramas.

O preço ainda não foi divulgado.

Adicionalmente, a empresa segue oferecendo no Brasil discos rígidos para PCs, com capacidade de 320GB, 500GB, 1TB, 1,5TB e 2TB; para notebooks, com 320GB, 500GB e 640GB; HDDs externos de mesa com 1,5TB e 2TB; e HDDs externos portáteis com capacidade de 320GB, 500GB e 640GB.

No país, onde está desde 1986, a Samsung também é pioneira, segundo Miranda, na fabricação local de tablets, TVs com tecnologia LED e 3D, além da oferta de aparelhos com acesso a conteúdo da Internet.

“Também fomos os primeiros a produzir modelos de TV e celular com conversor embutido, prontos para receber o sinal digital”, finaliza Miranda.

Em 2010, a Samsung obteve no país faturamento de US$ 5 bilhões, o que representa, em moeda brasileira, um crescimento de 32% em relação ao ano anterior.

Veja também

Samsung tem ultrafino para brigar com Apple

Na última quinta-feira, 24, a Samsung Electronics anunciou a chegada ao mercado de um notebook ultrafino numa tentativa de enfrentar a Apple e aumentar sua presença no mercado de computação móvel.

Hoje, segundo a agência Reuters, a Apple domina o segmento.

Custando US$ 2.218, o modelo se chama 9 Series, e deve ser lançado no próximo mês nas Américas e Europa.

Samsung: smartphone mais fino do mercado

A Samsung anunciou nesta segunda-feira, 14, o lançamento do smartphone GALAXY S II, o mais fino do mercado.

O modelo vem equipado com processador Dual-Core Snapdragon de 1 GHz; tem 8,49 mm de espessura; tela Super Amoled Plus touch screen,  sistema operacional Android 2.3 e suporte a redes HSPA+ e NFC.

Além disso, possui câmera de 8 MP, flash LED, filmadora que grava em full HD e os aplicativos Samsung Hubs  com catálogos de livros, revistas, músicas e jogos.

Samsung tem alta de 65% no lucro em 2010

Com lucro líquido de US$ 14,5 bilhões em 2010, a Samsung registrou alta de 65% nos resultados do ano passado, frente ao ano anterior.

No quarto trimestre, o lucro líquido foi de US$ 3,1 bilhões, superando em 13% o ganho registrado em igual período de 2009.

Segundo comunicado, memórias para computadores e smartphones foram os segmentos que mais impulsionaram o resultado da Samsung no quarto trimestre.

Samsung quer vender o triplo de smartphones

A Samsung planeja quase triplicar o volume de smartphones vendidos neste ano.

São projetadas vendas de 60 milhões de unidades, alavancadas por novos produtos da linha Galaxy, de celulares inteligentes baseados no sistema operacional móvel Android, do Google.

Samsung investirá US$ 38,3 bilhões em 2011

O grupo Samsung, fabricante sul-coreano de eletrônicos, elevará os investimentos em US$ 38,3 bilhões este ano, valor considerado 18% superior em relação ao de 2010.

De acordo com a agência de notícias Reuters, a compania pretende desenvolver novos negócios e ampliar a liderança no setor de telas planas.

Samsung: novos chips para smarts e tablets

Dois novos chips estão em desenvolvimento pela Samsung com foco em tablets e smartphones.

Segundo a empresa, a intenção é “otimizar a execução de aplicativos” nesses aparelhos.

O primeiro componente é o 4 Gb LPDDR2, que está em fase de produção, e poderá transferir dados a até 1.066 megabits por segundo (Mbps). A transferência é tão rápida quanto a de um PC, e o dobro de desempenho das utilizadas hoje em smartphones.

EMC mira aquisição para duplicar no Brasil

A EMC Corporation pretende fazer uma aquisição no Brasil este ano.

Na semana passada, o vice-presidente do conselho de administração da empresa, William Teuber, que responde por projetos de expansão nos países emergentes, se reuniu com executivos da companhia e empresas brasileiras para bater o martelo sobre o projeto de investimento de longo prazo no país, informa o Valor Online.

EMC projeta dobrar no Brasil em três anos

A EMC pretende dobrar sua operação brasileira dentro de três anos.

Conforme declarou ao Reseller Web o diretor-geral da subsidiária nacional da companhia, Carlos Cunha, uma estratégia para liberação de recursos focados na concretização desta meta deverá ser definida no início de 2011.

HP investe em produtos próprios para Brasil

A HP anuncia o início do desenvolvimento no Brasil de produtos focados especificamente nas necessidades do mercado nacional. As soluções compreendem os equipamentos da família HP Pavilion b6000, voltados para usuários domésticos, e o Compaq 300, destinado a pequenas e médias empresas.

AOC planeja fábrica de LCD em Manaus

A taiwanesa AOC, fabricante de monitores de computador, planeja montar uma fábrica de telas de cristal líquido (LCD) no Brasil. O investimento total em infraestrutura é calculado em aproximadamente R$ 20 milhões e a projeção é faturar cerca de R$ 170 milhões só no primeiro ano.

Brasil ganha novas linhas da Acer

A Acer anunciou na segunda-feira, 19, que lançará suas marcas Gateway, eMachines  e Timeline X no mercado brasileiro até o final deste ano.

Gateway é a marca premium da Acer na Europa, Ásia e Américas. Já a linha eMachines trata das máquinas populares enquanto a Timeline X representa os notebooks ultrafinos.