Tamanho da fonte: -A+A

Desde o lançamento, o tablet da Amazon, o Kindle Fire Tablet, está recebendo 25 mil pedidos por dia, segundo fontes da Amazon, citadas pelo site All Things Digital, ligado ao Wall Street Journal.

No primeiro dia, foram 95 mil encomendas.

Cálculos da empresa eDataSoource indicam um ritmo levemente menor – 20 mil unidades. Seja como for, o volume total desde o lançamento, em 25 de setembro, seria entre 235 mil e 245 mil unidades, indica o All Things Digital.

Ainda não chega perto do iPad 2 – que vendeu um milhão de unidades na primeira semana – mesmo assim, destaca o site, é um marco para um dispositivo que ninguém pôs as mãos ainda.

Além disso, outros competidores da Apple demonstraram desempenho bem inferior.

O TouchPad, da HP, chegou a ser descontinuado devido ao fracasso comercial. E o PlayBook, da RIM, vendeu 200 mil unidades em um semestre.

Vendido a US$ 199 nos Estados Unidos – metade do iPad mais barato – o aparelho roda a plataforma Android, não tem câmera nem microfone e vem com conexão Wi-Fi, sem 3G.

O modelo tem sete polegadas e 8 GB de armazenamento interno.