O chip defeituoso da Intel não trouxe prejuízos apenas à fabricante do componente. A Hewlett-Packard (HP) irá oferecer reembolso a clientes que compraram computadores com o chip defeituoso, embora a companhia tenha afirmado que a quantidade de PCs afetados foi pequena.

Segundo a HP, os clientes podem devolver seus PCs e “escolher outro produto equivalente” ou ter um reembolso. Não há informações sobre máquinas com o problema no Brasil.

Na última segunda-feira, 31, a Intel confirmou ter encontrado um defeito em chips que integram sua nova linha de processadores, a Sandy Bridge.

Quando o problema foi descoberto, 100 mil unidades já tinham sido enviadas a fabricantes.

Segundo a HP, o defeito atingiu uma pequena parcela dos PCs vendidos e encomendados desde 9 de janeiro, quando a tecnologia da Intel passou a ser comercializada.

Tanto desktops quanto laptops foram afetados, incluindo um modelo de computador de mesa vendido para pequenos clientes corporativos na Europa central e no leste da África.

A companhia afirmou ter parado de fabricar PCs com os chips defeituosos no início da semana, e interrompeu o suprimento dos produtos.

Dell também foi afetada
Na terça-feira, 01, a Dell reportou quatro produtos afetados pelo chip defeituoso. São os modelos XPS 8300, Vostro 460, Alienware M17x R.3 e Alienware Aurora R.3.

"Estamos comprometidos em resolver o problema com consumidores que já adquiriram um dos quatro produtos," afirmou a empresa em comunicado, sem fornecer mais detalhes.

Para a Intel, os custos de reposição do chip chegam a US$ 700 milhões.