BIENVENIDOS!

Migrate: parcerias de peso no Uruguai

31/08/2012 17:06

Os sócios-diretores da Migrate de olho no Uruguai. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Migrate, de Três de Maio (475 Km de Porto Alegre), iniciou sua estratégia de internacionalização pelo Uruguai com três parcerias de peso: Deloitte, consultoria presente em 150 países,  Montevideo.comm , maior provedor web do país latino, e Intramerica, focada em software houses.

As aliadas vão trabalhar com as duas unidades de negócio da companhia gaúcha, voltadas ao mercado corporativo e á área de software, onde o foco é o InvoiCy, nome “uruguaio” da solução de gerenciamento de NF-e que, no Brasil, atende por GNF-e e é usada por seis mil clientes.

PARCEIRAÇA
Que as alianças da companhia gaúcha no Uruguai são fortes, não há dúvida: a Deloitte, por exemplo, foi eleita pela empresa de análises Verdantix como líder no mercado mundial de auditorias.

Prestando serviços de assessoria em auditoria, impostos, consultoria e finanças a clientes públicos e privados, a empresa conta com 186 mil profissionais em mais de 150 países.

Só no Brasil, a Deloitte anunciou para este ano investimentos na casa dos US$ 85 milhões.

NOTA PROPULSORA
Conforme Jean Carlos Benatti, um dos três sócios-diretores da Migrate, o motivador da partida para o Uruguai foi o início da obrigatoriedade de utilização da nota eletrónica no país.

“O InvoiCy é uma opção para software houses e empresas, permitindo a adaptação às exigências legais de maneira rápida e sem traumas”, comenta Benatti.

Já Glauber Claudir Weddigen, outro sócio-diretor da Migrate, ressalta que a solução foi muito bem recebida no país, especialmente devido a questões de fácil usabilidade e integração simples a sistemas das companhias.

Segundo ele, os gaúchos já vinham estudando o mercado uruguaio há cerca de cinco anos, com pesquisas que resultaram em um produto adaptado à realidade local.

Tanto que não só o software, mas o site da Migrate, ganharam versões em espanhol.

O terceiro sócio-diretor da empresa de Três de Maio, Adilson Moacir Weddigen, explica que a empresa iniciou as operações oficialmente no Uruguai na segunda-feira, 17, quando assinou seu registro no país.

“Vamos contemplar o setor de vendas, suporte e atendimento aos clientes”, detalha Weddigen.

O lançamento oficial do InvoiCy pela Migrate acontece durante o XXII Encontro Genexus no Uruguai, nos dias 01, 02 e 03 de outubro.

Veja também

Migrate: armazenamento de NF-e em cloud

A Migrate Company acaba de lançar uma solução de armazenamento de notas fiscais eletrônicas em cloud computing.

Migrate cria sistema para iPhone

A Migrate Company acaba de finalizar um sistema para iPhone baseado na ferramenta GeneXus X Evolution I para a Brumar Importadora de Alimentos, de São Paulo.

DE OLHO NO BR
Deloitte: US$ 85 milhões no Brasil

Valor a ser investido pela empresa no mercado brasileiro representa 11% do total mundial.

Deloitte é a maior das Big Four

A Deloitte anunciou nesta sexta-feira, 15, que se tornou a maior organização de serviços profissionais do mundo pela primeira vez na sua história.

No ano fiscal encerrado em 31 de maio de 2010, a Deloitte agregou receitas de US$ 26,78 bilhões em suas firmas-membro, empregando aproximadamente 170 mil pessoas 140 países.

"Ao longo dos anos, nosso objetivo nunca foi ser a maior. Sempre visamos ser a melhor, para sermos o padrão de excelência," disse Jim Quigley, CEO da Deloitte.

Analistas apontam Deloitte como líder

A Verdantix, uma firma de analistas independentes, nomeou a Deloitte como líder no mercado de auditorias.  

O estudo, chamado Verdantix Green Quadrant: Sustainability Assurance (Global) June 2011 (Quadrante Verde da Verdantix: Garantia de Sustentabilidade (Global), junho de 2011), é a primeira avaliação comparativa desse tipo realizada em âmbito mundial.

Foram avaliados  BSI, Bureau Veritas, Deloitte, DNV, ERM, Ernst & Young, KPMG, LRQA, PwC, SGS, TUV SUD, UL-DQS e a URS.

Uruguaia Quanam abre em POA

A uruguaia Quanam, consultoria especializada em projetos Oracle, acaba de abrir em Porto Alegre sua terceira unidade no Brasil.

Já presente em São Paulo e Rio de Janeiro, a companhia projeta faturar R$ 25 milhões no país este ano. Em 2012, a meta é que o escritório gaúcho represente 10% da receita geral.

“Em 2013, planejamos elevar a participação até 15% e, em 2014, a cerca de 20%”, conta o sócio e diretor da Quanam no país, José Carlos Nordmann.

CPqD: gestão para a uruguaia Antel

O CPqD fechou contrato com a operadora de telecomunicações Antel, do Uruguai, para fornecer o Sistema de Gestão de Inventário de Planta Externa à operadora.

A parceria, diz a empresa, é estratégica para a Antel, que vem investindo fortemente em sua rede para levar o acesso por fibra óptica até a casa ou escritório dos usuários.