Mastersaf quer amansar o fisco. Foto: flickr.com/photos/criminalintent

Tamanho da fonte: -A+A

A Mastersaf, empresa do Grupo Thomson Reuters, está lançando cinco novos produtos de gestão com foco em governança fiscal e tributária.

Segundo a empresa, as novas ofertas visam a atender à demanda do mercado por análises de informações fiscais, customização e detecção de riscos.

A primeira delas, chamada Mastersaf Tax Determination, vem com a promessa de eliminar a necessidade de customização do ERP, permitindo que o usuário tenha controle sobre todas as informações que têm reflexo na emissão das notas fiscais.

Também faz parte do pacote a Mastersaf Tax Decision, que detecta riscos e oportunidades, indicando as respostas para possíveis eventos simulados pela companhia.

Na Mastersaf Tax Analyser, o mote é fazer a análise de arquivos fiscais para empresas e contribuintes atuarem com pró-atividade e compliance frente às obrigações exigidas pelo Fisco.

O diferencial dessa solução é uma nova camada de validações, focada na análise de operações fiscais realizadas para operações tributárias indevidas, diz a empresa.

Completam o conjunto de ferramentas o Mastersaf DFe Agility, para controle e padronização do processo de recebimento de documentos, e a Mastersaf NF-e Auditor, que analisa se as informações contidas na Nota Fiscal Eletrônica, especialmente as tributárias, estão corretas.

As novas ofertas serão apresentadas no Encontro de Inovação e Novas Práticas de Governança Fiscal e Tributária, dia 16 de agosto, no Gran Hyatt (Avenida das Nações Unidas, 13.301), em São Paulo (SP), das das 13h30 às 18h.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pela internet.

A Masterstaf foi comprada em maio do ano passado pela Thomson Reuters por um valor não revelado pelas partes envolvidas na transação.

A aquisição visou os investimentos da brasileira em sistemas de nota fiscal eletrônica e para Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), da Receita Federal.