Google briga no mercado corporativo com IBM, Microsoft, Amazon e Apple. Foto: l i g h t p o e t /Shutterstock.com

A consutoria PwC vai passar a recomendar aos seus clientes a adoção da suíte de aplicativos, os dispositivos Android e a plataforma de cloud computing da Google. As empresas firamaram uma parceria bidirecional, portanto a Google também deverá recomendar serviços de consultoria da PwC aos seus clientes.

O acordo, segundo o Computerworld, acontece num momento em que a Google está brigando no mercado corporativo pelo fornecimento de suítes cloud de email e colaboração, serviços de cloud computing e mobilidade contra rivais como IBM, Microsoft, Amazon e Apple.

Um acordo como esse dá um "empurrão" para a Google e infla suas credenciais como provedor corporativo. Isso é importante pois algumas empresas que estão na briga tem muito mais tempo de presença e relacionamento no mercado empresarial, como Microsoft e IBM.

Para a PwC, um relacionamento mais próximo com a Google a coloca em uma posição melhor para atender às necessidades dos clientes que estão buscando um modelo para mudar da infraestrutura de TI ancorada dentro de casa e baseada em software e hardware on-premises para um modelo de cloud e mobilidade. 

Além de indicar os produtos da Google para seus clientes, a PwC vai mostrar que endossa a parceria adotando os apps de email, produtividade e colaboração da Google para seus 45 mil funcionários nos EUA e Austrália e também montando seus novos serviços de monitoramento de segurança para clientes usando a infraestrutura da Google Cloud Platform e seus produtos de PaaS.

O acordo não é exclusivo, portanto as duas empresas continuam liberadas para fazer outras parcerias com eventuais concorrentes de ambas, segundo uma porta-voz da Google. As duas empresas não divulgaram os termos do acordo.

A PwC está hoje em 157 países e possui um contingente de 200 mil colaboradores globais.