A Lojas Renner vai pedir autorização ao BC para criar uma instituição financeira própria. Foto: Divulgação.

A varejista Lojas Renner vai pedir autorização ao Banco Central para criar uma instituição financeira própria. Hoje, o segmento de produtos financeiros da rede é responsável por cerca de um terço da geração de caixa da empresa.

De acordo com a ata de reunião do Conselho de Administração divulgada na quarta-feira, 29, a nova companhia será chamada de Realize Crédito, Financiamento e Investimento. 

A decisão amplia as funções da empresa Realize Soluções Financeiras, que opera nas lojas Renner desde 2006 nas áreas de empréstimos, saque rápido, títulos de capitalização e seguros.

O Conselho da Renner aprovou a rescisão de acordo comercial com o Banco Indusval, que tinha como objetivo exploração de atividade de emissão de cartões de crédito das bandeiras Visa e Mastercard junto aos clientes da Renner. 

Segundo a Lojas Renner, o acordo não chegou a ser implementado por causa de impedimentos de ordem operacional.

Em 2014, a Renner atingiu vendas líquidas de R$ 4,6 bilhões, com crescimento de 18,6%. O Cartão Renner fechou o ano com mais de 24 milhões de usuários, sendo responsável por 49,7% das vendas totais da rede.