Oportunidade de negócios para IoT chegarão a US$ 19 trilhões em dez anos. Foto: Chesky/Shutterstock.com

O mercado global tem uma oportunidade de negócios para soluções de Internet das Coisas (IoT) da ordem de US$ 19 trilhões nos próximos dez anos, dos quais US$ 4,6 trilhões no setor público e US$ 14,4 trilhões no mercado privado. 

Desse total, US$ 870 bilhões virão da América Latina. A informação é de Jayme Faria, gerente de consultoria de ICT da Frost & Sullivan, e foi relatada pelo TI Inside.

Segundo ele, o Brasil tem um potencial de realização de mercado de IoT de US$ 34 bilhões, contra US$ 20 bilhões no México, conforme estimativa de mercado realizada pela Cisco em 2014. Para o analista, já existem 5 bilhões de usuários de internet conectados.

O setor de manufatura é o que tem maior potencial de mercado, da ordem de US$ 4 trilhões. O setor de saúde até 2018 deverá representar US$ 89 bilhões, em soluções como câmera pill, dispositivos wearables, controle de freezer de medicamentos e vacinas e plataforma de monitoramento.

Já o segmento automotivo tem uma previsão de 23,3 milhões de carros conectados até 2018. Em 2020, 90% automóveis serão conectados. 

Outro potencial setor é o de cidades digitais com potencial de US$ 1,5 trilhão até 2020, com a adoção de soluções inteligentes de coleta de lixo, estacionamento de veículos, pontos de ônibus conectados, monitoramento de qualidade da água e do ar. 

Nesse prazo haverá cerca de 50 cidades digitais na Alemanha, Estados Unidos, França e Coreia. 

O segmento de energia, o Smart Energy, também será relevante, pois a demanda de energia crescerá 30% nesse período.