Mulheres estão mais satisfeitas com sua carreira.

Um levantamento da CompTIA com 2.107 profissionais de TI do Canadá, África do Sul, Reino Unido e Estados Unidos revelou que as mulheres estão mais satisfeitas com a sua situação profissional do que os homens em uma série de dimensões.

As diferenças ficam consistentemente em torno de 10 pontos percentuais, entre a minoria de mulheres [24%], contra a maioria de homens [76%]. 

São números chamativos, se temos em conta a visão estabelecida de que as profissionais mulheres enfrentam dificuldades de progredir em uma carreira dominada pelo sexo oposto:

- 79% das mulheres profissionais de TI acreditam que seu trabalho lhes proporciona uma sensação de realização pessoal; contra 70% dos homens.

- 73% das mulheres acreditam que seu trabalho faz bom uso de suas habilidades/talentos; maior do que os homens (65%).

- 73% das mulheres dizem que seu empregador adequadamente apóia os seus esforços de desenvolvimento profissional; em comparação com 64% dos homens.

- 72% das mulheres acreditam que seu trabalho proporciona-lhes a oportunidade de crescer e se desenvolver; em comparação com 61% dos homens.

- 71% das mulheres acreditam que são devidamente reconhecidas por suas contribuições no trabalho; mais do que homens (61%).

- 71% das mulheres estão satisfeitas com sua remuneração e benefícios; contra 60% dos homens.