Empresa venceu o prêmio Decisions Awards 2019 na categoria IA, Machine Learning e Otimização. Foto: divulgação.

O Grupo Fleury, empresa brasileira de medicina diagnóstica, foi escolhido pela FICO, focada em análises preditivas e ciência de dados, para receber o prêmio Decisions Awards 2019 na categoria IA, Machine Learning e Otimização.

Segundo a empresa, o prêmio reconhece organizações que estão obtendo sucesso notável usando as soluções da FICO através de um grupo de jurados independentes, com profundo conhecimento do setor.

O case vencedor é o aprimoramento da Fleury Forecaster, ferramenta de gerenciamento de planejamento de demanda da empresa, que foi construída na plataforma FICO Xpress.

“O Grupo Fleury continuou a desenvolver sua plataforma analítica para obter resultados excepcionais. Projetos analíticos como esse podem ser como escrever um ótimo romance, cada capítulo concluído leva você à próxima ideia”, comparou Les Yeamans, fundador da RT Insights e um dos jurados do FICO Decisions Awards. 

Com uma equipe conjunta de especialistas do Grupo Fleury e da FICO, o projeto realizou mais de 3,5 mil testes em cerca de 300 locais.

O objetivo era construir uma plataforma robusta, capaz de lidar com uma complexa dinâmica de gestão de demanda, em contínuo crescimento, além de melhorar o nível de automação, detalhes, relatórios e facilidade das ferramentas de gestão.

A solução desenhada apostou na inteligência aumentada, integrando inteligência artificial e machine learning com o conhecimento de negócios dos especialistas da empresa.

“O maior desafio deste projeto foi construir uma solução personalizada que endereçasse as peculiaridades inerentes ao setor de medicina diagnóstica e capturasse o profundo conhecimento de nossa equipe”, conta Eduardo Bianchetti, gerente de precificação, inteligência e planejamento comercial do Grupo Fleury.

Segundo a empresa, a solução é capaz de analisar o desempenho de previsões anteriores para ajudar a melhorar os próximos resultados. Os usuários podem ver isso em painéis intuitivos que os ajudam a entender a precisão da previsão e como cada etapa do processo de construção das previsões geradas agrega valor ao resultado final.

A ferramenta estima a demanda potencial para encontrar oportunidades de receita com maior velocidade, com uma previsão de vendas automatizada e mais precisa.

"Esta solução é um ótimo exemplo de como podemos aplicar técnicas de inteligência artificial e machine learning em uma plataforma para otimizar o desempenho e os processos de uma empresa", afirma Alexandre Graff, presidente da FICO para América Latina e Caribe. 

Fundada em 1956 e baseada no Vale do Silício, a FICO detém mais de 180 patentes de tecnologias, presentes em mais de 100 países. O mercado brasileiro está entre os cinco principais da empresa e figura como o principal na América Latina.

Com mais de 90 anos de história, o Grupo Fleury possui um portfólio de medicina diagnóstica com cerca de 3,5 mil testes em 37 áreas diferentes. 

A empresa conta com 10 mil funcionários e 2,4 mil médicos, realizando 75 milhões de exames de análise clínica e 5 milhões de exames de diagnóstico por imagem a cada ano.