Leonardo Mattiazzi. Foto: divulgação.

A CI&T, multinacional de integração em TI, anunciou um novo escritório comercial no país, investindo cerca de R$ 4 milhões em uma operação em Belo Horizonte.

Com a nova unidade, o plano da companhia é ampliar a presença na capital mineira, atuando em conjunto com o think.transform, centro global de excelência em mobile e tecnologias digitais instalado na cidade em julho do ano passado.

Atualmente, a CI&T possui mais de 2 mil funcionários, sendo 15% destes da unidade de Belo Horizonte.

Para isso, devem ser criadas novas vagas para o centro de excelência, assim como postos de trabalho ao longo do ano para o novo escritório, que apoiará as operações locais mas também dará suporte para as investidas da empresa no mercado externo.

Hoje a CI&T atende multnacionais de diversos setores, em mercados como EUA, Europa e Ásia. Hoje, as exportações já representam cerca de 40% das receitas da companhia e a meta é escalar esse número para 50% em 2016.

Segundo Leonardo Matiazzi, VP de inovação da CI&T, além da estimativa de novos postos em BH para 2016, a meta da companhia é gerar novas oportunidades para profissionais em novas tecnologias, como mobile e Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês).

"Em 2015, mais de 3,5 mil pessoas se inscreveram para a seletiva e estamos certos que a disputa pelas vagas continuará grande. Temos espaços dedicados no novo escritório, prevendo esse crescimento", disse o executivo.

Conforme explica Matiazzi, os contratados na primeira turma de 2015 formaram-se como desenvolvedores em tecnologias móveis e hoje atuam em projetos na empresa.

Em Belo Horizonte, a investida em IoT envolverá a instalação de um espaço que segue o mesmo modelo de sucesso em operação, desde 2014, na sede da empresa em Campinas: a "Garagem".

O ambiente combina a cultura digital com a de “fazedores” (makers), por meio de tecnologias de fabricação digital como impressoras 3D e a conectividade de sensores inteligentes (IoT), para a prototipação de inovações de forma rápida e aberta.

"Buscamos criar ambientes descontraídos que estimulam a integração das equipes, incentivam a criatividade e a geração de insights no trabalho", comentou Matiazzi.

Eleita um "Cool Vendor" pelo Gartner, a CI&T é uma especialista em soluções digitais como aplicativos para mobile, portais corporativos, sustentação de sistemas e consultoria de negócios.

Com sede em Campinas, a empresa tem clientes Coca-Cola, Natura, Motorola, Alelo e Banco Original. Em 2015 a empresa teve uma receita projetada de R$ 330 milhões, crescimento de aproximadamente 35% sobre os R$ 240 milhões contabilizados em 2014. Para 2016, a meta é ultrapassar os R$ 400 milhões.