Executivos pretendem igualar Tio Patinhas. Foto: reprodução.

Tamanho da fonte: -A+A

Um estudo da Michael Page revela que 52% dos 29 principais cargos analisados registram aumento salarial em 2012 em relação ano passado.

Conforme a consultoria, as empresas sentiram a pressão por manter o bom desempenho do ano anterior. Os diretores comerciais tiveram aumento de 42% em relação a 2011.

A pesquisa afirma que um volume considerável de startups, especialmente nas áreas de internet e tecnologia, também influenciou o salário desses profissionais.

O setor de construção também ganha destaque da Michael Page: a posição de diretor de novos negócios registrou aumento de 31%. Em 2011, os profissionais da área ganhavam, em média, R$ 32 mil e, em 2012, passaram a receber R$ 36 mil.

A área de RH também ganhou relevância, já que a remuneração do Gerente de Recrutamento e Seleção saltou de R$ 16 mil para R$ 20 mil, o que representa um aumento de 25%.

Com aumento de 20% no salário, o cargo de diretor tributário continua a crescer pela alta demanda.

De acordo com o presidente da Michael Page no Brasil, Paulo Pontes, mesmo diante de um cenário econômico menos favorável que o ano passado, por conta da crise econômica mundial, os profissionais brasileiros seguem valorizados.

“Isso mostra que a busca por bons profissionais nem sempre acompanha a mesma dinâmica da economia”, explica.