CAPACITAÇÃO

Facebook terá centro de formação em SP

28/08/2017 17:05

A Estação Hack São Paulo será o primeiro projeto deste tipo da empresa no mundo. 

O Facebook irá abrir a Estação Hack São Paulo no coworking WeWork. Foto: Divulgação/WeWork.

Tamanho da fonte: -A+A

O Facebook está investindo na criação de um centro para inovação no Brasil. A Estação Hack São Paulo será o primeiro projeto deste tipo da empresa no mundo. 

O local abrigará iniciativas como cursos gratuitos de programação para jovens e workshops sobre empreendedorismo e planejamento de carreira, além de aceleração para startups nacionais.

“Queremos reforçar nosso comprometimento com o Brasil e, por isso, vamos fazer aqui um investimento inédito. Vamos ajudar a formar o jovem brasileiro para algumas das profissões do futuro, dentro de um ambiente de estímulo à inovação”, afirma Diego Dzodan, vice-presidente do Facebook e Instagram para América Latina. 

Localizado na Avenida Paulista, o espaço deverá ser aberto até o fim deste ano, com uma área exclusiva dentro do coworking WeWork (inaugurado no último mês).

Por ano, a empresa vai oferecer bolsas a mais de 7.400 jovens brasileiros nas áreas de programação, planejamento de carreira e gestão de empresas. 

Os cursos e workshops serão ministrados por parceiros como Mastertech, MadCode, Reprograma, Junior Achievement e Centro de Empreendedorismo e Negócios da FGV (FGVcenn). 

Em outra frente, o Facebook e a Artemisia implementarão um programa de aceleração de startups com potencial de impacto social.

A Estação Hack também abrigará sessões dos programas de empreendedorismo e de marketing digital do próprio Facebook, como o Impulsione Seu Negócio e o #ElaFazHistória. Desde 2015, os programas capacitaram mais de 200 mil pequenos e médios empreendedores brasileiros, por meio de workshops presenciais e online. 

Veja também

IMÓVEIS
Zap lança chatbot no Messenger

O sistema foi desenvolvido pela equipe do Zap com a plataforma Wit.ai.

ATENDIMENTO
SeuProcesso tem chatbot no Messenger

Lançada em dezembro, a plataforma conta hoje com aproximadamente 70 mil usuários.

MESSENGER
Localiza usa chatbot para reservas

A ferramenta foi desenvolvida pela Take.

STARTUP
Alpha Vikings recebe US$ 40 mil do FbStart

O valor poderá ser utilizado em créditos e serviços do Facebook.

MESSENGER
Banco do Brasil terá chatbot com Watson

O robô foi treinado para responder, inicialmente, a questões relativas ao uso de cartão de crédito.

WATSON
Anhembi Morumbi: IA para atendimento

A empresa utilizou recursos do Watson, da IBM, para lançar um chatbot.