Coamo adota tecnologias Silver Peak. Foto: divulgação.

A paranaense Coamo, uma das maiores cooperativas agrícolas do país, investiu em softwares de otimização de tráfego da Silver Peak para driblar deficiência de banda e falhas de infraestrutura de comunicação.

Com implantação iniciada em 2011, a cooperativa adotou as soluções em cerca de 120 entrepostos, em diferentes pontos geográficos do país, com o plano de acelerar as transferências de dados à distância.

Na sede da empresa, em Campo Mourão, a cooperativa usa quatro softwares aceleradores VX 5000 e todas as 120 filiais usam o VX 1000 – cada um com capacidade para acelerar a WAN em até 20 vezes.

Segundo Francisco Covessi Junior, chefe do departamento de gestão de controle de TI da Coamo, a adoção das tecnologias se deu devido às limitações de banda de algumas filiais. que criava a necessidade de acelerar o tráfego de dados sem aumentar a velocidade do circuito de dados.

“Hoje, não importa onde nossos cooperados estão, a transferência de dados é sempre rápida e estável, o que melhorou muito a experiência. Nosso sistema transfere, em média, três vezes mais com a nova tecnologia, mas já tivemos picos em que a velocidade multiplicou até cinco vezes”, acrescenta Covessi.

Com atuação de mais de 26 mil agricultores associados e mais de 6 mil colaboradores, a cooperativa soma receitas globais em 2013 de R$ 8,175 bilhões e está entre as 10 maiores empresas do agronegócio brasileiro. A cooperativa apoia produtores de soja, milho, trigo e outros produtos nas regiões Centro-Oeste e Sul do país.

Recentemente a Coamo vem investindo em soluções tecnológicas para otimizar seus negócios. Em março a companhia investiu para reformular a sua gestão orçamentária com a implantação da solução TM1, da IBM.

O software, implementado em novembro em um projeto realizado por uma equipe da Big Blue e da cooperativa, acelerou o período de planejamento e análise do orçamento de 60 para 30 dias.