A Sapore é uma multinacional de refeições corporativas que atua no Brasil, México e Colômbia. Foto: Pixabay.

A Sapore, multinacional brasileira de restaurantes corporativos, anunciou que adquiriu participação majoritária em três startups: a Lucco Fit, de marmitas congeladas; a Shipp, de delivery; e a Zaitt, um supermercado autônomo.

De acordo com o site Pequenas Empresas Grande Negócios, a compra foi realizada através da holding Abanzai. A transação não teve seu valor divulgado.

As empresas devem continuar independentes com relação à sua gestão, com a Sapore compondo o conselho consultivo dos negócios e a compartilhando know-how para apoiar suas operações.

Fundada em 2015, a Lucco Fit entrega refeições congeladas no estado de São Paulo. Este é o primeiro empreendimento do fundador Daniel Lucco, graduado em administração pela PUC-SP em 2017.

Já a Shipp e a Zaitt têm o mesmo fundador e CEO: Rodrigo Miranda, engenheiro mecânico formado em 2015 pela Universidade Federal do Espírito Santo.

Criada em 2017, a Shipp tem um aplicativo de entregas sob demanda que atua nas cidades de Joinville, em Santa Catarina, além de Vila Velha e Vitória, no Espírito Santo.

A Zaitt foi criada um ano antes, inaugurando o primeiro mercado 100% autônomo da América Latina. Em lojas físicas com funcionamento 24 horas, tudo é feito através do aplicativo, desde a liberação de entrada até a escolha dos produtos e o pagamento.

De acordo com o site TI Inside, a Zaitt deve receber conhecimentos relativos a melhor inteligência operacional, supply e abastecimento.

A Shipp deve ter oportunidades para concessão de benefícios e crescimento dos restaurantes, uma vez que cerca de 80% da receita da startup provém de alimentação.

Segundo a Sapore, os novos negócios colocam a empresa em um patamar diferenciado com relação à ampliação da entrega de serviços aos clientes, somado a um ambiente de inovação e de maneira disruptiva. 

Além de ajudar a Sapore a ganhar capilaridade e novos nichos de mercado, a expectativa da empresa é de que as aquisições alavanquem os seus processos de inovação e transformação digital.

A companhia diz continuar de olho no ecossistema de startups para futuros investimentos. Uma das apostas é a estruturação de um fundo exclusivo para startups focadas no segmento de alimentação, as chamadas foodtechs.

“O plano é seguir apostando em empresas satélites que tenham conexão real com o nosso negócio, alimentação, logística, gestão”, afirma Daniel Mendez, presidente da Sapore, no comunicado.

Fundada em 1992 em Campinas, São Paulo, a Sapore é uma multinacional de refeições corporativas que atua no Brasil, México e Colômbia com um faturamento de R$ 2 bilhões.

Com mais de 16 mil colaboradores, a empresa serve cerca de 1,3 milhão de refeições todos os meses no país. São mais de 1300 restaurantes que atendem mais de 900 empresas.