Robinson Klein, o novo presidente da Assespro-RS. Foto: Baguete

O novo presidente da Assespro-RS, Robison Klein, assumiu nesta segunda-feira, 26, com uma novidade na nominata: o presidente do Seprorgs, Edgar Serrano, como vice presidente da entidade.

A nomeação é um passo a mais da aproximação entre as duas entidades, que ao longo da gestão de Reges Bronzatti na Assespro-RS apresentaram demandas de forma conjunta em diversas ocasiões, defendendo posições sobre mão de obra, tributação e outros assuntos.

“Os empresários de TI precisam se unir mais para levar nossos posicionamentos adiante”, afirmou Klein durante seu discurso de posse.

Na segunda gestão de Renato Turk Faria à frente do Seprorgs, o então presidente da Assespro-RS, Ricardo Kurtz, já havia assumido como VP no sindicato.

“A ideia é conhecer melhor as ações da entidade e articular melhor políticas conjuntas”, resume Serrano, destacando que um representante da Assespro-RS deve estar na próxima gestão do sindicato.

Tanto Klein quanto Serrano frisam que representantes outras entidades – Softsul e Sucesu-RS no caso da Assespro, InternetSul e TrinoPolo no caso do Seprorgs – já compunham as nominatas de cada associação.

Também é verdade que essas entidades e outros participantes já se reúnem periodicamente no CETI, conselho constituído em 2005 com o fim de coordenar ações do setor no Rio Grande do Sul.

Observadores do setor de TI gaúcho, no entanto, concordam que Assespro-RS e Seprorgs são as maiores entidades atuantes no estado quando o assunto é a representação política do empresariado de TI gaúcho.

Também é sabido que ambas viveram às turras em um passado não muito distante. A evolução do relacionamento com a consequente coabitação de lideranças de cada entidade parece ser um fato para ficar.

É algo a ser comemorado.