DATA CENTER

E-Open usa cloud server da Embratel

27/01/2017 14:48

O serviço foi contratado no modelo de pagamento conforme o uso.

Mário Rachid, diretor executivo de soluções digitais da Embratel. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A E-Open, empresa focada no desenvolvimento de aplicações, adotou a solução de cloud server da Embratel para armazenar seus dados e aplicações.

A Embratel oferece para a E-Open a oferta de infraestrutura como serviço (IaaS) armazenada em nuvem. O serviço foi contratado no modelo de pagamento conforme o uso, dispensando eventuais custos com compra de equipamentos e de sistemas. 

No cloud server da Embratel, a E-Open hospeda uma série de aplicações que são acessadas diariamente por milhares de pessoas, como cursos de educação à distância de universidades e hospitais.

Com foco no planejamento e execução de projetos na área de software, a E-Open oferece serviços de programação de computadores e precisava de uma plataforma de alto desempenho para desenvolver aplicações para seus clientes. 

“A solução da Embratel permite que a E-Open combine elasticidade, poder computacional aliados a maior capacidade de conexão de rede do país, sem a necessidade de franquias mínimas. A cobrança é realizada por hora, conforme os recursos utilizados”, afirma Mário Rachid, diretor executivo de soluções digitais da Embratel. 

André Escudero, diretor de pesquisa e desenvolvimento da E-Open, destaca que a empresa levou em conta o fato de o data center da Embratel estar localizado no Brasil, oferecendo suporte local em português (24x7) e fatura em reais.

“Com a Embratel, conseguimos ter uma estrutura completa que nos permite liberdade para ampliar o uso de serviços de cloud server conforme nossa demanda. Estamos muito felizes com o serviço e com a agilidade que temos com o portal da Embratel, que permite ajustes em nosso plano, de forma automática e sem dificuldades”, diz Escudero.

Os 5 centros de dados da Embratel no Brasil são uma uma peça central da estratégia da empresa de se tornar um dos maiores players no mercado de TI brasileiro nos próximos anos, com uma oferta indo desde telecomunicações até implantação de sistemas, passando por outsourcing de TI, service desk e fábrica de software.

O objetivo é replicar por aqui o posicionamento que a América Móvil, controladora da Embratel, tem no México. Lá, a empresa está entre as cinco maiores de serviços de TI, junto com players como IBM, HPE e Sofftek.

Veja também

MOBILIDADE
Serttel: serviços em nuvem da Embratel

Empresa hospedará seus serviços de mobilidade na nuvem híbrida da operadora nacional.

F1
Embratel fornece infra do GP Brasil

O Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1 acontece de 11 a 13 de novembro.

LÍDER
Embratel tem o melhor data center

Empresa foi destacada no Data Center Dynamics Awards Brasil 2016.

ENERGIA
Embratel terá 1º DC certificado Ceeda

O selo CEEDA in Progress foi concedido para o Data Center Lapa, localizado em São Paulo. 

CONTRATAÇÃO
Ex-Embratel lidera vendas da PromonLogicalis

Nos últimos quatro anos, Luiz Henrique Sávio atuou na Embratel.