Régis Haubert. Foto: divulgação.

A gaúcha Exatron, fabricante de equipamentos de automação residencial, resolveu apostar em uma inusitada inovação para chamar a atenção do consumidor, com o lançamento de uma linha de chuveiros inteligentes.

A companhia lançou no início do ano a ducha híbrida (elétrica e gás) MyShower, a empresa prepara o lançamento do Shower Show, chuveiro com sistema de som que emparelha com smartphone via bluetooth, reproduz música e permite atender ligações durante o banho.

Além desses recursos, o novo produto funciona por controle remoto e ainda informa a duração do banho, projeta o gasto mensal e dá uma nota para o usuário a partir da relação entre consumo de energia, água e tempo.

De acordo com Régis Haubert, diretor da Exatron, a decisão por desenvolver recursos inteligentes para uma utilidade básica como o chuveiro partiu de uma tendência que vem se fortalecendo no mercado: o da Internet das Coisas.

Sediada em Porto Alegre, a Exatron tem sua expertise em sensores de presença e relés para iluminação pública. Com o lançamento dos novos chuveiros, a empresa investe em soluções para conectar diferentes aplcações residenciais.

"Observamos diversas coisas de nosso dia a dia se tornando conectadas, como iluminação e sistemas de segurança. Enquanto isso, uma invenção nacional como o chuveiro elétrico, que já tem 60 anos, não teve essa atenção. O máximo que apareceu de inovação foram os controles de temperatura", avalia Haubert.

Para ilustrar como o chuveiro pode também ser inteligente, o diretor da empresa explica a economia que a tecnologia híbrida pode trazer. O Shower Show conta com sensores de temperatura na entrada e na saída de água do equipamento. Além disso, o produto tem uma CPU que monitora a temperatura desejada.

"Isso serve para garantir que a água esteja na temperatura ideal assim que o chuveiro seja ligado, coisa que não acontece com aquecimento a gás. Entretanto, assim que a temperatura ideal é alcançada, a resistência elétrica automaticamente é reduzida. Isso traz eficiência e economia energética", diz o executivo.

Além disso, o Shower Show conta com um display digital que exibe um valor estimado gasto em energia elétrica depois do banho tomado.

Ao falar da tecnologia bluetooth, Haubert afirma que os recursos foram pensados em uma experiência de maior conforto ao consumidor.

"Muitos gostariam de ter a praticidade de atender o telefone enquanto estão no banho ou escolher sua música preferida e ouvir no chuveiro. São coisas pequenas que contribuem para o bem-estar do usuário", diz o executivo.

Com esta abordagem visando o conforto, Haubert admitiu que produtos como o MyShower e o Shower Show são focados em um público de maior poder aquisitivo, das classes A a C. O My Shower sai por R$ 450 enquanto o Shower Show sairá por R$ 650.

"Mesmo com o preço alto para um chuveiro, os dois produtos propõem economia de consumo, trazendo retorno ao gasto", explica o executivo.

Com trinta anos de mercado, a Exatron conta com cerca de 140 funcionários. Embora a empresa não abra valores de faturamento anual, ela destaca um crescimento de 20% ano a ano em sua receita, com uma meta semelhante para 2014.