COMUNICAÇÃO

CNC adota SocialBase para representantes

25/02/2016 16:49

Cristiano Costa. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Confederação Nacional de Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) adotou a SocialBase para possibilitar o compartilhamento de conhecimento, arquivos, comunicados, vídeos institucionais e manuais entre os representantes das suas 34 federações espalhadas pelo país, além do Sesc e Senac.

A escolha do ferramenta social baseou-se na forma como o mercado da comunicação está se configurando e a vontade da CNC de proporcionar um ambiente interativo entre os membros da Renar – Rede Nacional das Representações.

O sistema SocialBase ainda possui grupos segmentados, chat para conversas instantâneas e privadas, integração com aplicativos já utilizados pelo sistema de trabalho e ainda a possibilidade de personalização.

“Buscamos uma ferramenta que pudesse nos auxiliar a integrar todos os representantes e possibilitar o apoio entre eles para alguma atuação estratégica. Acreditamos que o SocialBase, por ser uma plataforma colaborativa e semelhante a uma rede social pública, poderá nos ajudar nesse papel de integrar e difundir as informações pertinentes”, comenta Cristiano Costa, da Assessoria de Gestão das Representações (AGR).

O principal objetivo de uso da plataforma, segundo Costa, é intensificar a comunicação entre os membros da Renar, visando o aperfeiçoamento dos trabalhos referentes às representações, contribuindo assim para a verticalização da defesa de interesses da CNC.

Um dos pontos já colocados em prática é a diminuição do uso do email, ao se utilizar a Rede CNC para compartilhar arquivos, eventos e palestras. 

Inicialmente o projeto da Rede CNC está desenhado para atender os membros da Renar, seus sindicatos e federações. No futuro, a ideia é expandir o projeto a todos os membros do Sistema CNC-Sesc-Senac.

Entre os clientes da catarinense SocialBase estão Portobello, Porto Seguro e NTT Data.

Veja também

EDUCAÇÃO
Controller Education tem rede social escolar

Para o desenvolvimento do sistema, foi investido cerca de R$ 1 milhão.

CARREIRA
LinkedIn: 5 de TI nas mais desejadas

Estão na pesquisa as empresas Google, Apple, Dell, Microsoft e Facebook.

STARTUP
Healfies: rede social para saúde

Até janeiro, a expectativa da empresa é contar com 50 mil usuários cadastrados.