Cargolift adota soluções da Totvs. Foto: divulgação.

A Cargolift, empresa paranaense de serviços de transporte com atuação nas regiões sul, sudeste e nordeste, adotou o ERP e sistema de gerenciamento de transporte (TMS) da Totvs para sustentar seus planos de expansão no país.

Com um faturamento anual acima dos R$ 200 milhões, a empresa registra anualmente uma média de crescimento de 18% ao ano, o que impulsionou a busca por um sistema de gestão que comportasse todas as suas operações.

A implementação, concluída no segundo semestre de 2014, envolveu a integração de soluções de ERP e TMS, assim como uma aplicação de Business Analytics, interligando as diferentes operações da companhia.

O ERP passou a ser responsável pelo controle de gestão do Back Office, incluindo todo o fluxo de caixa, financeiro e fiscalização de compras. O TMS, por sua vez, realiza a gestão de transportes, contemplando as operações de todos os caminhões, a rotatividade dentro da frota e os detalhes de cada veículo, como os níveis de combustível, o desgaste dos pneus e, até mesmo, a integração com os pedágios previstos nas vias.

"Além disso, a solução informa quais veículos estão cumprindo seus horários e itinerários estipulados. Com a unificação dos sistemas, essa visão é integrada e não mais isolada, facilitando a tomada de decisões", afirmou a Cargolift em nota.

Segundo o diretor-presidente da Cargolift, Markenson Marques, a integração das tecnologias gera mais agilidade no atendimento das operações atuais e também de futuros negócios.

"A Totvs oferece o suporte necessário para o perfeito funcionamento das nossas funções administrativas e logísticas, remodelando a tecnologia a favor dos nossos negócios para, assim, suprir as nossas demandas de forma especializada”, explica o executivo.

Os dados gerados abastecem a solução de Business Analytics (BA), que, por meio de um painel de gestão de indicadores, informam, em tempo real, toda a movimentação da empresa, gerando um demonstrativo de resultados de todos os caminhões da frota.

Segundo destaca a Marques, um exemplo dos benefícios da unificação de sistemas é o recente serviço que a empresa tem prestado para a Fiat, em parceria com o grupo FCA (Fiat Chrysler Automobiles).

Os computadores da operadora estão conectados às máquinas da linha de produção da montadora, trocanco informações instantaneamente, acompanhando online a cadeia de suprimentos, desde a chegada de serviços da Cargolift até a planta da Fiat em Goiana, Pernambuco.

De acordo com o diretor-presidente da Cargolift, a empresa planeja investir mais em tecnologia nos próximos quatro anos, a fim de realizar a segunda fase do projeto.

"Integraremos, também, elementos da área de Recursos Humanos da empresa, como dados referentes aos próprios funcionários, facilitando a troca de informações", finaliza Marques.