Tamanho da fonte: -A+A

A M2Sys, curitibana especializada em captura e processamento de documentos por imagem que, atualmente, processa mais de 150 milhões de papéis anuais, firmou uma parceria com a americana Abbyy, distribuída no Brasil pela Netz TI.

Pelo acordo, a Netz TI reforça a estrutura de suporte para as ferramentas de reconhecimento automático de caracteres (OCR,ICR etc) usadas nas soluções da M2Sys, com adição de recursos como o  FlexiCapture Engine, mecanismo de captura de dados da Abbyy.

“O mecanismo é usado para garantir as funcionalidades de reconhecimento e leitura de quaisquer tipos de caracteres gráficos capturados por scanner”, explica João Rotta, diretor de TI da Netz TI.

Segundo ele, a ferramenta permite aos aplicativos da M2SYS extrair automaticamente o conteúdo das imagens dos documentos não financeiros escaneadas.

Já o FlexiCapture Engine torna possível, ainda, a extração  mais precisa de dados para o preenchimento de diversos tipos de documento, como contratos de abertura de contas bancárias, cadastros de clientes ou fornecedores, contratos de seguros, financiamentos etc.

Os recursos da ferramenta são completados com os processos de fábrica oferecidos pela M2Sys, que confere garantem a validação de dados eventualmente não reconhecidos pelo software.

“Bancos e instituições financeiras já conhecem os benefícios da digitalização de documentos e sua transação por meios automáticos. Nosso empenho é em disseminar a tecnologia nos demais segmentos, como governo, varejo, educação e serviços”, afirma Silmar Kuntze, diretor de Tecnologia da M2Sys.

A companhia mantém três DPI (Data Processing Image) do país, localizados em Brasília e Curitiba.

Recentemente, a empresa incorporou a Veros TI, que pertencia ao mesmo grupo empresarial da M2Sys e reforçou o portfólio em software para truncagem de cheques e processamento por imagem fim a fim.

No começo do ano passado, a empresa reforçou os investimentos no Sul, com o estabelecimento de uma nova gerência de Vendas para a região, que responde pela maior parte do faturamento, já que o principal contrato da base fica por aqui.