Steve Smith. Foto: divulgação.

A Equinix, multinacional de serviços de data center, anunciou seus resultados globais em 2015, com uma receita de US$ 2,72 bilhões, um crescimento de 12% em relação a 2014.

A companhia, que se estabeleceu no Brasil após adquirir a Alog Data Centers, teve um lucro de US$ 187,8 milhões no ano, crescimento de 7% sobre 2014.

De acordo com Steve Smith, CEO da Equinix, a companhia sustentou seu crescimento em aquisições estratégicas de players regionais, estabelecendo como a fundação para um ecossistema de nuvem que e serviços de TI.

No ano passado, a empresa comprou a japonesa Bit-Isle por cerca de US$ 280 milhões e a rival inglesa Telecity por US$ 3,6 bilhões, criando a maior empresa do segmento de data center na Europa.

"A força do nosso negócio se traduz em crescimento sólido de receita, rendimento firme e margens saudáveis, que se combinam para que possamos continuar a investir em nossa plataforma global, desenvolver soluções inovadoras e apresentar valores significativos aos nossos acionistas”, explica o presidente.

Para 2016, as receitas anuais devem ser superiores a US$ 3,55 bilhões, ou 13% de taxa de crescimento registrada ano após ano. Essa meta inclui US$ 548 milhões em receitas da Telecity e Bit-isle.

A diretriz da Equinix inclui resultados previstos para Telecity e Bit-isle durante o ano de 2016. Conforme anunciado, a Equinix espera alienar oito ativos, sete da Telecity e um da Equinix, em Londres, como parte da aprovação pelas autoridades reguladoras para a transação recebida em 13 de novembro de 2015.

A Equinix chegou ao Brasil em 2011, após investir US$ 126 milhões na compra de 90% das ações da Alog, ao lado da Riverwood Capital. Desde então, a Alog tem se adaptado ao modelo de negócios da Equinix e a transição gradual permitiu à empresa construir uma base sólida para posicionar a companhia como data center neutro.

Pelo acordo, a Equinix tinha participação majoritária na empresa brasileira e poderia concluir a compra depois de três anos. Em julho de 2014 o restante da Alog foi adquirido em transação comercial de US$ 225 milhões.

Atualmente, a Equinix possui data cerca em 33 mercados espalhados pelos cinco continentes. No Brasil, a empresa tem sítios no Rio de Janeiro e São Paulo.