ESCALAÇÃO

Kyndryl apresenta seu time no Brasil

22/09/2021 12:24

Spin off da IBM tem Frank Koja à frente de uma equipe experiente vinda da Big Blue.

Frank Koja. Foto: divulgação

Tamanho da fonte: -A+A

A Kyndryl, spin off da unidade de de gerenciamento de infraestrutura da IBM, apresentou o seu time para o Brasil, liderado por Frank Koja, ex-VP da unidade GTS.

No começo do mês, a Kyndryl deu seu pontapé inicial no Brasil, com um evento online para os 2 mil funcionários com a participação do CEO global,  Martin Schroeter.

“Meu propósito na Kyndryl: liderar um time super talentoso para estar junto com nossos clientes, no processo de reinvenção digital, criando soluções inovadoras para integrar as melhores tecnologias e com total segurança”, aponta Koja.

Koja, um executivo que já passou por 10 posições na IBM ao longo de 22 anos, dá um pouco a tônica dos 13 integrantes do time de gestão da Kyndryl, todo ele vindo da IBM e com uma média de 15 anos de casa.

O executivo mais sênior da IBM na nova empresa é Igor Reis dos Santos, o CTO, ex-líder sênior de vendas de Red Hat e aplicações gerenciadas, com 28 anos de IBM.

A equipe tem ainda Luis Marcelo Teixeira, Deborah Fagundes e Carlos Eduardo Almeida, como líderes das unidades de clientes, responsáveis pelo relacionamento com a carteira, desde as vendas até a entrega.

Fagundes era diretora de vendas de serviços IBM, com 25 anos de casa; Teixeira era diretor de vendas de serviços da IBM, com 11 anos de casa e Almeida atuou junto a clientes na IBM, com oito anos de casa.

O líder de vendas New Logo será Eduardo Marcinari, ex-diretor de vendas na IBM, onde liderava um time de 20 pessoas e tinha 10 anos de casa,

Sergio da Motta será líder de Advisory & Implementation Services. Mota foi diretor para América Latina na IBM Services e atuou duas décadas na empresa.

Lívio Teixeira Filho assume como líder de Delivery Integration. Na IBM, ele era gerente de delivery senior e tinha 15 anos de casa.

Cesar Saraiva é o líder de Alianças. Saraiva é o integrante com menos tempo de IBM, apenas dois anos, mas, em compensação, passou 13 anos pela Service IT Solutions, uma grande parceira IBM, a Service IT Solutions, onde foi diretor de marketing e alianças.

André Venâncio é o líder das Práticas de Cloud e Application, Data & AI. Na IBM, onde trabalhou 24 anos, Venâncio foi líder técnico em clientes, atendendo grandes contas.

Daniel Reis, líder da Prática de Digital Workplace, foi líder para System Services na IBM, onde atuou por 22 anos. 

Regina Orlandi, líder das práticas de Network & Edge e Security & Resilience, foi líder de entregas do Global Network Services em Hortolândia e Daniel Mendanha, Líder da Prática de Core Enterprise & zCloud, foi gerente sênior de mainframe na IBM, onde atuou por 16 anos.

A Kyndryl já nasce como um player de peso, assumindo negócios que respondem por 25% das vendas da IBM, dona de um faturamento de US$ 77,1 bilhões no ano fiscal de 2019. 

Em termos de funcionários, a Kyndryl levou também quase um quarto do total: 90 mil, dos cerca de 352 mil empregados da IBM.

A nova Kyndryl trabalhará com desenvolvimento de projetos, ao gerenciamento e à modernização da infraestrutura dos clientes, tendo mais liberdade para trabalhar com outros provedores de nuvem, além da IBM.

A IBM, por sua vez, poderá se concentrar nas áreas determinadas a algum tempo como o futuro da empresa, como computação em nuvem, inteligência artificial e outras.

Veja também

BOLSAS
CI&T prepara IPO na Nasdaq

Meta é levantar pelo menos US$ 200 milhões, revela o site Neofeed.

CARGOS
Weiden vai para o conselho da Unico

VP de Engenharia foi contratada no ano passado e promoveu sacudida interna.

PLANOS
Globant vai dobrar no Brasil

Discreta no país, gigante argentina quer chegar a 1,4 mil funcionários até 2022. 

IMAGENS
SAP demite por vídeo viral

Discussão sobre máscaras em supermercado acaba na Internet e funcionária na rua.

CAPITAIS
Cosentino tem fundo de investimento

Grupo GHT4 conta com outros três nomes pesos pesados e já fez aportes em startups.

VAGA
Brasscom ganha corrida pelo CNPD

Entidade de TI superou candidatura da Assespro e dos meios de comunicação.