Eduardo Souza.

Eduardo Souza, ex-diretor Comercial de Serviços da Apisul, acaba de ser contratado para a posição de diretor Comercial de Solução Logística e Gerenciamento de Riscos da OpenTech, startup de Joinville especializada em gestão logística e gerenciamento de risco em transportes.

O executivo é um profissional experiente. Em 16 anos de Apisul, exerceu as funções de gerente de TI, superintendente de Produtos e Projetos e, nos últimos cinco anos, em São Paulo, foi diretor Comercial de Serviços.

A contratação faz parte de uma reestruturação da área comercial da OpenTech, com a criação de uma frente focada no modal rodoviário com foco em embarcadores, transportadores e operadores logísticos e no mercado de logística e gerenciamento de risco.

A parte de software será comandada por Marcelino Costa, que já exercia a função de diretor comercial da OpenTech. Costa é um executivo experiente, com 25 anos de experiência na construção e comercialização de ERP, TMS e WMS.

Costa foi diretor geral da Simetria e diretor de TI da OpenCore (que se uniu à OpenTech) antes de iniciar suas atividades na empresa no início de 2014. 

A OpenTech faturou R$ 21 milhões no primeiro semestre do ano, uma alta de 15% frente aos resultados de 2013.

Com o resultado, a empresa projeta um faturamento total de R$ 45 milhões para 2014, uma alta de 18% frente ao ano passado. 

A meta é um reajuste para baixo do planejado inicialmente, que ficava em R$ 55 milhões, um crescimento de mais do que o dobro do que deve ser obtido, na faixa dos 44%.

Para 2015, o objetivo é R$ 75 milhões e para 2016, R$ 100 milhões.

As metas de crescimento estão alinhadas a um plano de expansão de canais, cujo objetivo é  mais do que dobrar sua base de canais até o final do ano, atingindo 12 parceiros.

Atualmente, a OpenTech conta com representantes em Santa Catarina, Goiás, Espírito Santos, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo. 

A OpenTech recebeu em maio do ano passado um aporte de  R$ 10 milhões do DLM Brasil IT, fundo de private equity gerido pelos ex-Datasul Paulo Caputo e Jorge Steffens.

Desde então, tem trazido executivos de mercado para tocar o negócio. No ano passado, contratou Edimilson Corrêa, profissional que foi diretor de produto e tecnologia da Datasul e após a fusão com a Totvs comandou o centro de desenvolvimento em Joinville, para a vice-presidência de Desenvolvimento de TI e Serviços.

Andreia Gutknecht, atual diretora de canais, foi contratada em julho, vinda do departamento de recrutamento de canais da consultoria de expansão comercial joinvillense Market Growing.

A OpenTech tem mais de 1,2 mil clientes em todo o país, para os quais rastreia 46 mil veículos. A empresa tem 550 funcionários e investe 15% do faturamento em pesquisa e desenvolvimento de softwares.