2S implantou Cisco no escritório de advocacia. Foto: Ken Wolter/Shutterstock.com

O escritório Souza, Cescon, Barrieu & Flesch Advogados adotou a solução de Comunicações Unificadas da Cisco. A 2S foi responsável pela implementação.

O escritório de advocacia integrou suas cinco unidades com ferramentas de telefonia IP, videoconferência, segurança e recursos de telepresença da Cisco, além da infraestrutura necessária para a adoção de BYOD (traga seu próprio dispositivo, da sigla em inglês). 

Em 2013, uma reforma na unidade carioca levou a equipe de tecnologia do escritório a estudar soluções integradas de rede, de forma a atender às demandas de redução de custos com telefonia e aumento de produtividade apresentadas pela diretoria geral.

Assim, pequenos projetos que corriam em paralelo foram integrados à proposta de revisão da rede cabeada e instalação de Wi-Fi, de forma a suportar um novo sistema de comunicações unificadas, com dados, voz e videoconferência em todas as unidades.

“A solução partiu dessa demanda de mudança do escritório, mas já sentíamos a necessidade de atualização do sistema de telefonia e a reforma na unidade do Rio de Janeiro foi uma oportunidade para revermos toda a infraestrutura”, afirma o advogado Roberto Lima, sócio do escritório.            

Por atingir praticamente todas as camadas de infraestrutura, o projeto foi iniciado pela revisão da rede cabeada com switches gerenciáveis, a instalação de access points e do recurso de gerenciamento do Wi-Fi. 

“Na sequência, trabalhamos a instalação do firewall integrando os escritórios e, em paralelo, a implementação do ambiente de telefonia IP”, diz Rafael Alves, gerente de TI do escritório, relatando a integração das salas de videoconferência.

Foram instalados 400 terminais de telefonia IP com videoconferência e software de comunicação Jabber para todos os colaboradores, em desktops e smartphones. 

Como os escritórios estão separados fisicamente, as ferramentas aumentaram a produtividade e reduziram custos com deslocamentos e telefonia, já que mesmo as ligações interurbanas passaram a ser roteadas pelo sistema e computadas como locais. 

 A última etapa do projeto foi a inclusão do Cisco WebEx, para conferências virtuais, e do ISE (Identity Services Engine), plataforma da Cisco para segmentação das redes wireless e cabeada.

Toda a rede foi segmentada a partir de políticas de acesso gerenciadas pelo ISE, de forma que dispositivos sem cadastro, ao acessarem a rede, sejam automaticamente direcionados para acesso exclusivo à internet.

Além da eficiência operacional com o novo projeto, o escritório também espera obter o retorno sobre investimento (ROI) no prazo de desembolso. 

“Optamos por leasing de três anos e a ideia é que o ROI ocorra neste período”, afirma o advogado.

Com cinco unidades no Brasil (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Salvador) o Souza, Cescon, Barrieu & Flesch Advogados representa clientes nacionais e estrangeiros, grandes conglomerados empresariais e instituições financeiras, bem como governos estrangeiros.

Desde 1992, a 2S é uma integradora de soluções de infraestrutura para o mercado corporativo. Seus dois principais parceiros de negócio são a Cisco e a Microsoft e seus destaques são as soluções de colaboração, datacenter, gerenciamento, mobilidade, serviços gerenciados, manutenção, networking, licenciamento e serviços na nuvem.