FOCO NO PASSAGEIRO

Aeroportos investiram US$ 6 bi em TI

18/11/2013 14:28

90% dos aeroportos esperam manter ou aumentar os investimentos em 2014. Foto: flickr.com/photos/oisa.

Tamanho da fonte: -A+A

O investimento dos aeroportos do mundo em TI deve atingir US$ 6 bilhões em 2013, conforme pesquisa realizada pela Sita, especializada em comunicação e soluções de TI para transporte aéreo.

O estudo aponta que cerca de 90% dos aeroportos, dos 255 participantes que representam 54% do fluxo total de passageiros, esperam que os custos com TI aumentem ou mantenham-se em 2014. O investimento em soluções tem o foco na melhoria da experiência do passageiro.

“Os aeroportos continuam a investir em tecnologia da informação para melhorar seus serviços e suas operações. A pesquisa desse ano mostra que os passageiros estão no centro deste investimento. Como o tráfego de passageiros aumenta a cada ano e os aeroportos visam melhorar a experiência dos mesmos,a tecnologia fornece soluções essenciais para isso, apesar das oscilações nas receitas aeroporto”, ressalta Francesco Violante, CEO da Sita.

Seguindo a taxa de crescimento dos últimos três anos de 12%, o resultado ultrapassa a taxa Compound Annual Growth Rate (CAGR) de 2,83% dos aeroportos em receita.

Cerca de 95% dos estabelecimentos planejam oferecer, até 2016, aplicativos móveis com informações de status de voos e de localização no ambiente. 

A pesquisa revela, também, que 75% irá oferecer serviços por meio das mídias sociais em três anos, contra 56% atuais. 

Ainda em 2016, será possível despachar as bagagens pelo autoatendimento e mais de 80% oferecerão impressão de etiquetas de bagagens e assistência para o procedimento. 

Além disso, aproximadamente 80% pretende investir em BI para gestão de receitas, operações aeroportuárias, monitoramento de fluxo de passageiros e gestão de recursos do aeroporto. 

Porém, apenas 8% atingiram os requisitos de qualidade de dados para suas iniciativas de BI. 

No Brasil, o aeroporto internacional de Guarulhos, em São Paulo, contratou a IBM para um projeto que visa à padronização e integração dos sistemas de gestão. 

Da mesma forma, a Indra venceu a licitação para fornecer sistemas de gestão automatizada da torre de controle do terminal do novo aeroporto internacional de Natal. O contrato é de R$ 7,5 milhões.