Vitório Danesi, presidente da Simpress. Foto: divulgação.

A receita da Simpress, especializada em serviços de BPO de documentos, cresceu 16% no primeiro semestre deste ano, em relação ao mesmo período de 2011, atingindo faturamento de R$ 203 milhões.

Para no ano, a companhia divulga meta de crescer 20% sobre os R$ 383 milhões faturados em 2011.

O presidente da Simpress, Vittorio Danesi, afirma que até o fim do ano a empresa irá investir mais de R$ 70 milhões na adequação da oferta ao posicionamento de fornecedor de BPO, adotado a partir do ano passado.

Só no que vem de 2012, o reposicionamento rendeu 18% de incremento na oferta de serviços da companhia.

Nos próximos meses, o investimento também será destinado à capacitação de colaboradores e ampliação da central de operações (NOC), entre outros.

A Simpress atua com unidades no Paraná, Bahia, Distrito Federal, Minas Gerais, Rio de Janeiro e interior de São Paulo, além de 140 revendas e mais de mil técnicos espalhados por todo o país.

Em dez anos, a operação cresceu mais de 11 vezes e hoje conta com cerca de 1,7 mil funcionários.